Terça-feira, 25 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

Notícias Empresas devem adaptar processos para garantir certificação ISO 9001

Novas normas devem afetar 20 mil empresas no País. (Foto: Reprodução)

As novas normas da chamada ISO 9001 devem afetar em torno de 20 mil empresas no país, segundo o BSI (British Standards Institution), líder global em normas e certificações. O ofício diz respeito à gestão de qualidade das instituições e é padrão mundial de reconhecimento.

Estabelecida por uma organização internacional de padronização, a ISO 9001 foi atualizada em setembro de 2015 e traz novas exigências que devem ser cumpridas até 2018. As mudanças incluem a exigência de um planejamento estratégico que estabeleça os riscos e as oportunidades da empresa.

Dentro das organizações, os processos terão que ser atualizados. A nova norma considera primordialmente o cliente por meio da efetiva aplicação dos sistemas. Para permanecer com a certificação, a empresa precisa demonstrar sua habilidade não só em preencher requisitos estatutários e regulatórios, mas em fornecer constantemente produtos e serviços que atendam aos requisitos do consumidor.

Apesar de faltar cerca de dois anos para o encerramento do prazo, as empresas devem se agilizar para garantir a continuidade da certificação. A gaúcha Exatron, líder no país na produção de sensores de presença, relés de iluminação e automação residencial, com sede em Porto Alegre, já iniciou o processo de atualização de seus processos.

“A nova versão vem como uma oportunidade de promover melhorias dentro das empresas e garante maior segurança sobre a qualidade dos processos”, explica Marcos Coelho, gestor de Inovação da Exatron. “Ela exige uma analise de riscos levando a tomadas de ações preventivas, minimizando os erros e, no caso de falhas, prevê ainda as chamadas ‘não conformidades’”.

Há alguns passos aconselháveis a serem seguidos para essa atualização, conforme Coelho. “Após identificar quais os aspectos organizacionais que serão afetados pela mudança, é fundamental que seja elaborado um real plano de implementação”, explica. Fornecer treinamento aos colaboradores também facilita o processo e gera familiarização com as mudanças, segundo ele.

O gestor aconselha as empresas a se anteciparem no processo. “O ideal é estar com tudo pronto para a nova certificação até a próxima auditoria, que acontece já no ano que vem. Este adiantamento permitirá que se ganhe tempo caso haja algum ajuste para fazer até 2018”, orienta.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

MP contraria polícia civil e denuncia cunhado de Ana Hickmann por homicídio em Belo Horizonte
Disputa ao cargo de primeiro-ministro do Reino Unido fica entre duas mulheres
Deixe seu comentário
Pode te interessar