Terça-feira, 04 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Fog

Mundo Escritor jordaniano que publicou no Facebook uma charge considerada ofensiva ao Islã é morto a tiros

Compartilhe esta notícia:

Sapato de Nahed Hattar ficou no local onde ele foi assassinado (Foto: Ahmad Alameen/AFP)

O escritor e chargista jordaniano Nahed Hattar foi morto a tiros neste domingo (25), em Amã, quando saía de um tribunal onde era julgado pela difusão de uma caricatura considerada ofensiva ao Islã. O crime aconteceu diante do tribunal de Abdali, no Centro da capital da Jordânia. O atirador foi preso.

Nahed Hattar, 56 anos, era cristão e foi detido em 13 de agosto depois de postar em sua página no Facebook uma charge na qual debochava dos extremistas do grupo sunita Estado Islâmico. Hattar havia sido acusado pelas autoridades de “insulto ao Islã”.

O Islã proíbe qualquer tipo de representação de Deus. Hattar explicou que a charge criticava “os terroristas e a forma que se imaginam no paraíso, e que de forma alguma ofende Deus”.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Bebê de 1 ano é internado após ser beijado por uma pessoa com herpes e a mãe faz um alerta na internet
Pai treina uma filha pequena para lutar pelo Estado Islâmico e a cena causa espanto na internet
Deixe seu comentário
Pode te interessar