Sábado, 04 de dezembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Acontece General Mourão marca presença no lançamento do livro “Escola Cívico-Militar: uma esperança para o Brasil”, de autoria do Tenente-Coronel Zucco

Compartilhe esta notícia:

"Cerca de 40 prefeitos já manifestaram interesse em contar com escolas cívico-miltares", disse Zucco.(Foto: Divulgação/ Redes sociais do Tenente-Coronel Zucco)

O Tenente-Coronel do Exército Brasileiro e Deputado Estadual, Luciano Lorenzini Zucco, lançou o seu livro “Escola Cívico-Militar: uma esperança para o Brasil”, nesta quarta-feira (27). A cerimônia ocorreu às 10h, no Colégio Militar de Porto Alegre, localizado na avenida José Bonifácio, 363.

O lançamento da obra contou com presença do vice-presidente da República, general Hamilton Mourão; do presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, deputado Gabriel Souza; do prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo; do Comandante Militar do Sul, Valério Stumpf, entre outras autoridades.

Zucco é autor do projeto que deu origem à lei que implementa no Rio Grande do Sul o modelo de escola cívico-militar. Em seu livro, ele conta sobre o conceitos básicos e os segredos referentes ao modelo deste ensino. “Esta é uma obra singela que explica como essas escolas funcionam e quais as suas principais características. Um modelo que valoriza a disciplina, o patriotismo, a cidadania, que cumpre os valores morais e sociais por parte dos alunos”, destacou o deputado estadual.

A obra escrita por Zucco possui 49 capítulos. Além do contexto histórico das escolas cívico-militares, há um conjunto de depoimentos e definições para mostrar à sociedade como funciona o modelo. “Decorre também da minha experiência como aluno, instrutor, comandante de companhia e pai de uma aluna aqui do colégio. Essa vivência ao longo da minha vida profissional foi muito positiva, permitindo que eu analisasse esse modelo sob várias dimensões em tempos diferentes”, afirmou.

O prefácio do livro foi escrito pelo general Mourão, que enalteceu a iniciativa do deputado. “Com a sua natural coragem e determinação, buscou levar adiante esse projeto das escolas cívico-militares. Na educação, a gente busca criar competência para aqueles que estão sendo educados. O que é competência? É um conjunto de conhecimentos, habilidades, atitudes, valores e experiências. E quando a gente junta o projeto pedagógico educacional de transmitir o conhecimento a criar atitudes e valores nos alunos, que é o trabalho recíproco de uma escola cívico-militar, nós estamos propiciando um avanço extraordinário para essa criança, para esse adolescente, preparando o melhor para ele enfrentar os desafios da vida”, salientou o vice-presidente da República.

Ainda em seu discurso, Mourão relembrou o seu tempo de estudos no Colégio Militar de Porto Alegre. “É sempre um motivo de grande emoção e uma grande alegria, porque aqui eu passei três anos da minha vida que foram muito intensos. A minha casa era esse colégio, onde fui aluno internato. E retornar a esse Salão Brasil, onde eu também me formei, em dezembro de 1971, é muito gratificante”, concluiu.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

Flavio José Kanter realiza sessão de autógrafos do seu livro “Bom Dia Para Você com um sorriso”
Em Porto Alegre, aplicativo oferece passeios de barco no Guaíba
Deixe seu comentário
Pode te interessar