Sábado, 22 de janeiro de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
26°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Geral O Google passa a vender acessórios de outras fabricantes em seu site

Compartilhe esta notícia:

Os acessórios foram desenvolvidos para serem utilizados nos produtos da Google, como os smartphones Pixel, o laptop Pixelbook e vários outros. (Foto: Reprodução)

O Google está disponibilizando mais acessórios para seus produtos oficiais com o programa “Made for Google”. No site do programa, é possível adquirir diversos acessórios fabricados pela própria empresa e agora também fabricados por parceiros da gigante de Mountain View.

Os acessórios foram desenvolvidos para serem utilizados nos produtos da Google, como os smartphones Pixel, o laptop Pixelbook e vários outros. A decisão de unificar em um mesmo site a possibilidade de adquirir acessórios tem como finalidade melhorar a experiência dos usuários, que agora podem encontrar o que desejam com a qualidade de construção da Google em um único lugar.

Mais de 20 fabricantes fazem parte do projeto e estão disponibilizando seus acessórios para serem vendidos no site. Ao escolher um produto de uma parceira, o e-commerce direciona o usuário para o site das próprias fabricantes. Isso só não ocorre quando o produto é fabricado pela Google.

Entre os acessórios oferecidos estão fones de ouvido, uma grande quantidade de cases de diversos modelos, cabos USB Tipo-C e skins. Para o consumidor, a vantagem dos produtos fabricados pela Google é que eles contam com frete gratuito, enquanto que as demais fabricantes cobram pela entrega dos acessórios.

Tela fantasma

Durante este último final de semana, algumas pessoas que já estão com o Pixel 2 XL relataram problemas na tela do aparelho. Embora já houvesse alguns casos recentes de mau funcionamento do display do aparelho, desta vez a falha está deixando os smartphones com a tela queimada – ou com efeito fantasma, caso prefira.

O primeiro registro do problema foi publicado no Twitter por Alex Dobie, do site Android Central. Ele mostrou uma foto de seu Pixel 2 XL, que passou a exibir a cor cinza na região afetada da tela, além de leves sombras dos comandos inferiores do Android. Após isso, várias pessoas também se manifestaram, confirmando que o incidente não foi uma particularidade no aparelho testado por Dobie.

Telas queimadas não são problemas tão raros em equipamentos tecnológicos, porém é preciso considerar que os problemas no Pixel 2 XL estão ocorrendo depois de apenas algumas semanas de uso e não estão sendo causadas por acidentes ou quedas do dispositivo móvel.

A Google deu a seguinte resposta ao ser questionada sobre o problema: “A tela Pixel 2 XL foi projetada com uma avançada tecnologia POLED, incluindo a resolução QHD+, ampla gama de cores e alta relação de contraste para cores e renderizações naturais e bonitas. Nós colocamos todos os nossos produtos em testes de qualidade extensiva antes do lançamento e fabricação de cada unidade. Nós estamos investigando ativamente esse relatório.”

Android

O Google Pixel 2 XL é um smartphone Android com características inovadoras que esperam tornar o equipamento em uma excelente opção para qualquer tipo de utilização, representando um dos melhores dispositivos móveis já feitos. A tela de 6 polegadas coloca esse Google no topo de sua categoria. Além disso a resolução é das mais altas atualmente em circulação: 2880 x 1440 pixels. As funcionalidades oferecidas pelo Google Pixel 2 XL são muitas e todas top de linha. Começando pelo LTE 4G que permite a transferência de dados e excelente navegação na internet, além de conectividade wi-fi e GPS presente no aparelho. Tem também leitor multimídia, videoconferência, e bluetooth. Enfatizamos a excelente memória interna de 128 GB mas sem a possibilidade de expansão.

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Geral

As bactérias presentes na boca podem agredir o intestino. Os micro-organismos seriam capazes de causar uma inflamação que estimularia as manifestações da doença de Crohn e da colite
Com as chuvas fracas e os reservatórios baixos, a conta de luz pode ficar mais cara no País
Deixe seu comentário
Pode te interessar