Quarta-feira, 29 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Fair

Brasil Governo pretende facilitar acesso de trabalhadores a FGTS e limite deverá ser de R$500

Para o ano que vem, a proposta é liberar o dinheiro com base em um percentual do saldo da conta. (Foto: Agência Brasil)

O secretário Especial da Fazenda, Waldery Rodrigues, falou sobre as medidas para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) que devem ser anunciadas nesta semana pelo governo federal. Elas teriam como objetivo melhorar o acesso dos trabalhadores aos recursos do fundo, com liberdade para o empregado conseguir remuneração melhor. Porém, haverá limites. Os trabalhadores terão direito a apenas um saque de R$ 500 por conta.

De acordo com o secretário, essa liberação do FGTS será mais potente que a permissão do saque de contas inativas ocorrida em 2017. Ele disse que o governo, em vez de agir para estimular a demanda, também está atuando do lado da oferta, com medidas como a reforma da Previdência, a reforma tributária e a liberação do mercado de gás. Rodrigues destacou que o eixo consiste em facilitar o acesso dos trabalhadores ao saldo da conta.

Para o ano que vem, a proposta é liberar o dinheiro com base em um percentual do saldo da conta, sempre a partir do princípio de um percentual menor para quem tem valor maior e um superior para quem tem menos.

Voltar Todas de Brasil

Compartilhe esta notícia:

O PSDB busca “alternativa honrosa” para Aécio Neves
A OAB pedirá esclarecimentos ao juiz que fundamentou na violência do Rio de Janeiro a decisão de não dar a guarda do filho de oito anos para a mãe que lá reside
Deixe seu comentário
Pode te interessar