Segunda-feira, 12 de Abril de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Cloudy

Porto Alegre Hospital Vila Nova, em Porto Alegre, vai transferir pacientes a fim de ampliar leitos para o coronavírus

Compartilhe esta notícia:

Enfermos que não estiverem em tratamento contra o coronavírus serão transferidos a outro espaço

Foto: Matheus Raugust/PMPA/Divulgação
Enfermos que não estiverem em tratamento contra o coronavírus serão transferidos a outro espaço. (Foto: Matheus Raugust / PMPA / Divulgação)

O prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo, vai anunciar, nesta quinta-feira (04), a ampliação de leitos para pacientes Covid-19 no Hospital Vila Nova, Zona Sul da Capital. Ele adiantou que, para isso, enfermos que não estiverem em tratamento contra o coronavírus serão transferidos a outro espaço, ainda não confirmado pelo município.

Melo explicou que o processo está em fase final de negociações. “Para fazer hospitais de campanha, pode levar até 30 dias e não temos tempo para isso. É preciso olhar para os hospitais já existentes. Liberaríamos, assim, leitos no Vila Nova, que é 100% SUS”, afirmou o prefeito.

Ele lembra que o Nossa Senhora da Conceição já lançou mão de uma operação semelhante, passando pacientes para o Cristo Redentor e Fêmina. Melo também pontuou que o Pronto Socorro, o Independência e o (Instituto de) Cardiologia garantiram mais dez leitos cada para pacientes de outras enfermidades.

O secretário municipal de Saúde, Mauro Sparta, revelou que outros serviços também serão realocados, sem adiantar quais, e não deixou claro se o Vila Nova vai se tornar um espaço dedicado somente a pacientes Covid.

A possibilidade de reativar o Hospital Parque Belém ainda é incerta pelo fato de o local ainda não contar com água, luz e cozinha. A ampliação de testagens para a Covid-19 em tendas nas emergências a partir desta semana é outra intenção de Melo, assim como parcerias com universidades para incluir estudantes em final de curso para auxiliar nas ações de combate à pandemia.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Oferta de vagas em home office dispara 309% em 2020
Falta de recursos atrasa as 16 vacinas contra o coronavírus em estudo no Brasil
Deixe seu comentário
Pode te interessar