Segunda-feira, 26 de julho de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Thunderstorm

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Rio Grande do Sul Justiça aceita denúncia contra mãe que arremessou bebê pela janela de ônibus no interior do RS

Compartilhe esta notícia:

A menina foi levada ao hospital de Panambi por policiais

Foto: Reprodução
A menina foi levada ao hospital de Panambi por policiais. (Foto: Reprodução)

A juíza Simone Brum Pias, da 1ª Vara Judicial do Foro da Comarca de Panambi, aceitou a denúncia contra a mãe de uma bebê que arremessou a filha recém-nascida da janela de um ônibus em movimento no dia 30 de junho, no município.

Nesta semana, o Ministério Público denunciou a jovem, de 20 anos, por tentativa de homicídio triplamente qualificado. De acordo com a denúncia, ela deu à luz no banheiro do ônibus e colocou a filha em um saco de lixo. Quando o veículo, que partiu de Porto Alegre com destino a São Nicolau, deixava a cidade de Panambi, a criminosa arremessou a criança pela janela. A mulher seguiu no ônibus até Dezesseis de Novembro, onde desembarcou.

A denúncia incluiu as qualificadoras de motivo fútil, já que a mulher pretendia ocultar a existência da filha, meio cruel, pois a bebê foi arremessada pela janela do veículo em movimento em uma noite com temperatura de 1ºC, e mediante recurso que impossibilitou a defesa da vítima, em função da idade da menina.

Também houve registro ao fato de que o crime foi cometido contra vítima menor de 14 anos e contra descendente da acusada. A menina foi levada ao hospital de Panambi por policiais e permanece sob cuidados médicos. Ela teve hematomas, escoriações e fissuras cerebrais. A mulher está presa preventivamente.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Interrupção de serviços de internet afeta usuários brasileiros
Rio Grande do Sul registra 4.262 novos casos de Covid-19 e mais 80 mortes provocadas pela doença
Deixe seu comentário
Pode te interessar