Segunda-feira, 13 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Fair

Magazine Lady Gaga quase foi a fast-food usando colar de US$ 30 milhões depois do Oscar

Compartilhe esta notícia:

Cantora usou o valioso acessório na cerimônia de 2019, quando ganhou o prêmio de Melhor Canção Original por "Shallow"

Foto: Reprodução
Cantora usou o valioso acessório na cerimônia de 2019, quando ganhou o prêmio de Melhor Canção Original por "Shallow". (Foto: Reprodução)

Depois de ganhar o prêmio de Melhor Canção Original por Shallow no Oscar 2019, Lady Gaga – que na ocasião usou um valioso colar da famosa joalheria Tiffany & Co., avaliado em US$ 30 milhões, cerca de R$ 160 milhões – quase esqueceu de tirar a joia para ir a um fast-food.

Em entrevista ao programa The Graham Norton Show, a cantora, de 34 anos, falou sobre o episódio. “Eu não sabia o que iria acontecer naquela noite. Eu estava apenas tão feliz por estar lá. Minha irmã e eu atravessamos por garrafas de champanhe no backstage e, quando fomos embora, eu não disse a ninguém. E eu ainda estava usando o diamante”, afirmou.

“Todo mundo surtou ao ver que eu ainda usava o colar e, quando fui para a casa da Madonna, os seguranças ficaram me observando de canto de olho. Eventualmente, quando nós decidimos seguir para o Taco Bell, o meu carro foi colocado de lado e os seguranças da Tiffany removeram gentilmente o acessório do meu pescoço”, explicou a cantora.

O icônico Diamante Amarelo Tiffany é uma raríssima peça de 128 quilates que fez parte do icônico look de Audrey Hepburn durante a divulgação do clássico Bonequinha de Luxo, em 1961. O look da cantora também era inspirado na eterna Holly Golightly, com coque alto, vestido preto Alexander McQueen e luvas.

A joia, um dos maiores diamantes do mundo, foi descoberta nas minas Kimberly, na África do Sul e comprada em 1877 por Lewis Tiffany para a empresa da família por apenas US$ 18 mil (cerca de R$ 30 mil).

Lapidada em 82 facetas, em vez das tradicionais 58 dos grande diamantes, a peça nunca foi vendida e até hoje faz parte do acervo da companhia. Em 2012, para comemora o 175º aniversário da Tiffany, o diamante foi montando em um outro colar que tinha 100 quilates de diamantes brancos. Além de Gaga e Audrey, apenas outra mulher, Mary Whitehouse, usou o colar – no caso dela, para o Tiffany Ball em 1957.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Magazine

Médico das celebridades garante ser preparado para o cargo de ministro da Saúde
Thais Fersoza reflete sobre a pandemia do coronavírus e desabafa: “Quem poderia imaginar uma coisa dessa?”
Deixe seu comentário
Pode te interessar