Sábado, 29 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Fair

Colunistas Lamachia elogia decisão de homologar delações

Lamachia (Foto: Reprodução)

Coerente com o discurso anterior, o presidente nacional da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Claudio Lamachia, disse ontem em Brasília, que a homologação da delação de 77 executivos e ex-executivos da empreiteira Odebrecht pela presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Cármen Lúcia, é um “ato de justiça” que mostra à sociedade brasileira que o julgamento do esquema de corrupção investigado no âmbito da Operação Lava-Jato “não será interrompido”.

Lamachia defende que a sociedade acompanhe o processo, evitando assim os famosos “vazamentos seletivos”. “A homologação é um ato de justiça não apenas à memória do ministro Teori Zavascki, mas de garantia à sociedade de que o julgamento da Lava-Jato não será interrompido ou mesmo atrasado, beneficiando corruptos e corruptores”, disse Lamachia, em nota enviada à imprensa.

Ele alerta porém, que é preciso que fique “bastante claro” para a sociedade brasileira o “papel de cada um dos envolvidos” no esquema de corrupção, independentemente de eles integrarem os quadros da iniciativa privada ou serem agentes públicos. “Nessas horas, a luz do sol é o melhor detergente.”

Acordo conduz Edegar Pretto à presidência da Assembleia

O acordo político com o PSDB, PMDB, PP, PTB, PSB e demais bancadas conduzirá hoje o deputado estadual Edegar Pretto, do PT, à presidência da Assembleia Legislativa. Pelo acordo, firmado pelos chamados “grandes partidos” ainda antes do início da atual legislatura, o quarto ano caberá ao PDT, que já indicou o deputado Marlon Santos para suceder o petista em 2019. Esta tarde, Marlon será eleito primeiro-secretário da Mesa Diretora.

PSB indica deputada Liziane Bayer para a vice-presidência

Depois de quase quebrar os pratos com o PT, o PSB acabou mantendo o acordo e indicando a deputada estadual Liziane Bayer para a vice-presidência da Assembleia Legislativa pelo período 2017/2018. A decisão foi tomada após reunião da Bancada, na manhã desta segunda-feira. O deputado Catarina Paladini será o líder da Bancada no lugar do deputado Elton Weber, que assume a liderança partidária.

Marcel Van Hatten diz que “não vota em representante do MST”

O deputado estadual Marcel Van Hatten (PP) disse ontem ao jornalista Políbio Braga, que não votará na chapa liderada pelo deputado Edegar Pretto (PT) para a presidência da Assembleia Legislativa. À noite, o deputado disse a este colunista que não reconhece o acordo, justificando que “não participei de nenhum acordo, e não tenho compromisso de votar num representante do MST, do Cpers e da CUT”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Colunistas

Montanha russa promete emoções
Abre a voz
Deixe seu comentário
Pode te interessar