Domingo, 05 de Abril de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Fair

Capa – Caderno 1 Lar Santo Antônio recebe doação de produtos apreendidos

Produtos apreendidos são doados ao Lar Santo Antônio (Foto: Helena Rocha/PMPA)

O Lar Santo Antônio dos Excepcionais foi contemplado com a doação de aproximadamente uma tonelada de frutas e verduras apreendidas durante ação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE).  A entrega foi realizada nesta sexta-feira, 7, no depósito de apreensões da secretaria. Os alimentos foram apreendidos na última quarta-feira, 5, quando houve uma ação no Centro Histórico, nas avenidas Salgado Filho, Borges de Medeiros e na Praça Conde de Porto Alegre. Após inspeção sanitária, as frutas e verduras foram liberadas para doação.

Na tarde de hoje, os alimentos foram recebidos pelo assessor administrativo da Instituição filantrópica, Mario Bof, que salientou a importância da ação, visto que o Lar se mantém exclusivamente com donativos da comunidade e abriga em média 50 pessoas, entre crianças, jovens e adultos: “Esta é uma bela doação, com bastante variedade de alimentos. Vamos refrigerá-los e aproveitar o estoque por mais de mês, já que servimos seis refeições ao dia. Nossas despesas são inúmeras e não contamos com uma receita definida. Temos gastos com pessoal, encargos sociais, transportes, medicamentos, alimentação, vestuário, energia, manutenção do prédio e equipamentos. Somos mantidos com doações como esta da Secretaria, que propiciam condições dignas de sobrevivência aos nossos amparados”, salientou.

Representando o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ricardo Gomes, o chefe de gabinete da secretaria, Alexandre Prates, ressaltou o trabalho da administração municipal, que através da Operação Retomada busca recuperar os espaços públicos do Centro Histórico e inibir a comercialização de produtos ilegais: “Na manhã desta sexta-feira houve nova ação de fiscalização da SMDE, onde foram apreendidos aproximadamente 400 quilos de frutas e verduras que estavam sendo comercializadas ilegalmente no centro da Capital. Os alimentos estão armazenados no depósito da Secretaria e, dependendo das condições, também serão doados a instituições de caridade.” Alexandre ainda lembrou que as ações de fiscalização devem seguir nos próximos dias em outros pontos de Porto Alegre.

Em março deste ano, a SMDE realizou a “Seja Legal: Feira de Oportunidades para Vendedores Ambulantes”, quando foram oferecidos mais de mil cursos gratuitos com o intuito de promover a legalização e a qualificação desses comerciantes.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Capa – Caderno 1

Coreia do Norte diz que ataques dos EUA à Síria foram “imperdoáveis”, diz agência estatal
Ospa traz a Porto Alegre o trompetista belga Dominique Bodart
Deixe seu comentário
Pode te interessar