Sábado, 04 de Abril de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Fair

Artes Visuais Margs debate lei das obras de arte em novos edifícios

Escultura de bronze "Themis", de Carlos Maximiliano Fayet, no Palácio da Justiça em Porto Alegre. (Foto: Kin Viana/Divulgação)

Nesta quinta-feira (25), das 14h às 16h30min, ocorre o debate “Mais Arte na Cidade – Reflexos da Lei 10036/06”, no auditório do Margs (Museu de Arte do Rio Grande do Sul), na Praça da Alfândega, s/ n°, em Porto Alegre. O objetivo do encontro é demonstrar os pontos positivos de dois anos de aplicação da Lei das obras de arte em novos edifícios, bem como apresentar os parâmetros para cadastramento de projetos pelos artistas.

A realização é da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, IAB-RS (Instituto de Arquitetos do Brasil), Aeergs (Associação de Escultores do Estado do Rio Grande do Sul), Sinduscon-RS (Sindicato da Indústria da Construção Civil), Associação Chico Lisboa, Margs e Associação de Amigos do Margs.

Participam da mesa Adriana Boff, coordenadora de Artes Plásticas da Secretaria da Cultura da Prefeitura de Porto Alegre; Paulo Amaral, diretor do Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli – MARGS; Zalmir Chwartzmann, vice-presidente do Sindicato das Indústrias da Construção Civil – SINDUSCON; André Venzon – conselheiro da Associação Riograndense de Artes Plásticas Chico Lisboa; e Vinicius Vieira, diretor Cultural do Instituto de Arquitetos do Brasil – IAB RS e Presidente da Associação dos Escultores do Estado do RS – AEERGS.

O tema em discussão será a Lei 10036/06, que trata da colocação de obras de arte de visibilidade pública em novas construções com área maior que 2000m². Em 2 anos de aplicação, 42 obras de obras de arte já estão disponíveis à população.

Segundo o diretor cultural do IAB RS, Vinicius Vieira, a Lei das obras de arte vem proporcionando melhor qualidade de vida em Porto Alegre, com edifícios valorizados, ruas e passeios públicos animados, acesso à cultura democratizado e outros fatores que elevam o desenvolvimento humano. “Em alguns anos, Porto Alegre terá verdadeira galeria à céu aberto, em diálogo com as edificações, configurando nova paisagem que “guardará” a memória de nossa história e potencializará o turismo na capital”, destaca Vieira.

SERVIÇO:

O Quê: Debate Mais Arte na Cidade – Reflexos da Lei 10036/06
Quando: Dia 25 de maio de 2017, quinta-feira, das 14 às 16h:30
Onde: Auditório do MARGS. Praça da Alfândega, s/ n°, Centro Histórico, Porto Alegre.RS
Entrada franca

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Artes Visuais

Dívida pública federal avança 0,32% e chega a 3,24 trilhões de reais em abril
O uso crônico do remédio ingerido por Chris Cornell pode facilitar impulsos suicidas, explica um psiquiatra
Deixe seu comentário
Pode te interessar