Sábado, 25 de junho de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
12°
Mostly Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Saúde Ministério da Saúde vai liberar uso da CoronaVac em crianças e adolescentes

Compartilhe esta notícia:

Decisão vem um dia após o governo de São Paulo iniciar a vacinação de crianças.

Foto: Reprodução
Decisão vem um dia após o governo de São Paulo iniciar a vacinação de crianças. (Foto: Reprodução)

O Ministério da Saúde decidiu utilizar doses da CoronaVac na imunização de crianças e adolescentes de 6 a 17 anos contra o coronavírus. A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação da pasta.

A decisão vem um dia após o governo de São Paulo iniciar a vacinação de crianças com CoronaVac, o que mobilizou governadores de outros Estados a pressionarem o Ministério da Saúde pela liberação imediata da CoronaVac.

Mais cedo, o governador do Piauí, Wellington Dias, divulgou em nota que obteve resposta positiva do secretário executivo do Ministério, Rodrigo Cruz. “Tratei com o secretário. Ministério da Saúde vai incorporar hoje mesmo no PNI. Ótima notícia!”, comemorou.

A Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 prepara a nota técnica que vai formalizar a incorporação da vacina para utilização em jovens.

“Como o ministro já disse, as vacinas aprovadas pela Anvisa são passíveis de incorporação no PNI, esse deve ser o caminho adotado. O ministério tem hoje disponibilidade imediata de 6 milhões de doses, isso está disponível no site do ministério da Saúde”, afirmou Cruz, nesta manhã.

A pasta estima que, somando com os estoques dos Estados, o número sobe para 9 milhões de doses.

O Instituto Butantan, que desenvolve a vacina, informou nesta sexta-feira (21) que recebeu uma consulta do governo federal a aquisição de novas doses. Caso o acordo seja fechado, as entregas poderiam ocorrer entre hoje e segunda-feira.

Alguns Estados que estão sem estoque devem receber emergencialmente um quantitativo que o Ministério tem em estoque para já poder começar com a vacinação.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Saúde

Três criminosos são presos com mais de meia tonelada de maconha na Serra
Canoas terá quatro Clínicas Covid e vai adquirir 100 mil testes
Deixe seu comentário
Pode te interessar