Sexta-feira, 07 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Fog

Mundo O México se torna o terceiro país do mundo em número de óbitos por coronavírus

Compartilhe esta notícia:

País se tornou o terceiro no mundo com mais mortes pela pandemia. (Foto: Reprodução)

O México se tornou o terceiro país do mundo em número de óbitos por coronavírus, ao alcançar a marca de 46 mil vítimas fatais, de acordo com um balanço da AFP elaborado a partir de dados oficiais.

Com este registro, o México, de 128,8 milhões de habitantes, superou o Reino Unido. Contudo, a taxa de mortalidade da doença no Reino Unido segue sendo superior, com 677,59 falecimentos para cada milhão de habitantes, contra 351,82 no México.

Os Estados Unidos seguem na liderança do ranking de óbitos mundiais em números absolutos (151.496), seguidos pelo Brasil (90.134).

Vacina

A fase 3 da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela farmacêutica francesa Sanofi-Pasteur terá testes realizados no México, o que facilitará o acesso do país à imunização em caso de sucesso, declarou nesta quinta-feira o ministro de Relações Exteriores mexicano, Marcelo Ebrard.

“A Sanofi-Pasteur anuncia a incorporação do México à fase 3 do protocolo para a vacina contra a covid-19 que eles estão desenvolvendo. Os testes serão realizados em nosso país e teremos acesso antecipado à vacina resultante. Apreciei o apoio da França para conseguir isso”, disse o ministro em uma mensagem no Twitter.

Mais tarde, Ebrard revelou que há duas semanas conversou com o ministro de Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian, que prometera fazer todo o possível para que a vacina desenvolvida pela empresa privada fosse testada no México.

Na terceira fase do desenvolvimento, a tentativa de imunização será testada em 35 mil voluntários em todo o mundo, alguns deles no México. O ministro mexicano esclareceu que isso não representa um compromisso de compra, já que os resultados da vacina ainda não são conhecidos, mas ponderou que a hospedagem dos testes dá uma vantagem comparativa.

“Não é o mesmo que participar do protocolo, mas esperar que ele aconteça. Portanto, tem, primeiro, aquela vantagem que é o conhecimento; segundo, que lhe dá a possibilidade de ter todas as informações a respeito da vacina e não apenas aquilo que lhe é apresentado; e, terceiro, que lhe dá acesso à vacina praticamente a partir de já”, comemorou. Além disso, o ministro mexicano salientou que está sendo feito um trabalho para alcançar acordos semelhantes com os Estados Unidos, a China e a Alemanha.

“O que é relevante é que estabelecemos como objetivo central que o México tenha vários protocolos de fase 3 o mais rápido possível. Esta é a primeira, é uma notícia muito boa para o México”, vibrou Ebrard. O México está em meio a uma fase de reabertura econômica, apesar de a pandemia continuar forte.

Bolívia

O hospital psiquiátrico Gregorio Pacheco, na cidade de Sucre, na Bolívia, está em emergência após ter relatado pelo menos 14 mortes por covid-19 e cerca de 100 infecções pelo novo coronavírus, disse o diretor regional de epidemiologia, Jhonny Camacho.

Camacho afirmou que é o maior problema já relatado nas instituições de saúde pública da região de Chuquisaca, no sudeste da Bolívia. Segundo ele, os primeiros casos foram relatados há duas semanas e acredita-se que o contágio tenha ocorrido através de funcionários, espalhando-se rapidamente pelas enfermarias do centro médico, que abriga cerca de 350 pacientes.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Ala-pivô do Magic é o primeiro jogador da bolha da NBA a não se ajoelhar durante hino
A Nasa envia missão a Marte para descobrir sinais de vida no planeta
Deixe seu comentário
Pode te interessar