Domingo, 17 de Janeiro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Mostly Cloudy

Brasil Órgãos de segurança ganham acesso a monitoramento de crimes ambientais em alta resolução

Compartilhe esta notícia:

Usada pela PF, tecnologia ajudará a combater crimes.

Foto: Reprodução/INPE
Usada pela PF, tecnologia ajudará a combater crimes. (Foto: Reprodução/INPE)

O Ministério da Justiça e Segurança Pública ampliou o uso da ferramenta Brasil M.A.I.S (Meio Ambiente Integrado e Seguro) aos órgãos de segurança federais, estaduais e municipais para monitoramento de crimes ambientais.

A ferramenta, já usada pela Polícia Federal, ampliará a capacidade de cobertura diária de imagens em alta precisão de todo o território nacional e auxiliar, também, no monitoramento de crimes ambientais, como desmatamento ilegal, queimadas, bem como na identificação de abertura de pistas de pouso clandestinas.

O Brasil M.A.I.S também vai auxiliar no combate ao tráfico de drogas e demais crimes, como o trabalho escravo e o tráfico de pessoas.

Foram investidos R$ 49 milhões do Fundo Nacional de Segurança Pública na aquisição da tecnologia. A adesão ao sistema, cuja coordenação e operacionalização está a cargo da Diretoria Técnico Científica da Polícia Federal, permitirá o acesso não apenas às imagens coletadas nas últimas 24 horas, mas também ao acervo diário do sistema desde 2017, o que permitirá comparar mudanças ocorridas ao longo do período.

Morte de piloto do Ibama

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, manifestou nesta terça-feira (1º) solidariedade pela morte do comandante Mauro Tadeu da Silva Oliveira, ocorrida na segunda-feira (30) em um acidente com o helicóptero do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). A aeronave caiu quando sobrevoava o Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense, em operação de combate aos incêndios florestais. O piloto estava sozinho.

“Transmito à família e amigos do comandante Mauro Tadeu da Silva Oliveira sentimentos de pesar e nossas orações. Faleceu em acidente com helicóptero do Ibama, no cumprimento da brava missão de combate aos incêndios florestais no Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense”, escreveu Salles, em mensagem nas redes sociais.

Em nota, o Ibama informou que Mauro tinha 54 anos e era coronel da reserva do Corpo de Bombeiros. “Era um piloto extremamente habilidoso e dedicado, há mais de 15 anos, à atuação na aviação civil, com mais de 5 mil horas de voo. O comandante deixa um legado de grandes serviços aeronáuticos à Nação. Nossa solidariedade à esposa, filhos, família e amigos”, diz a nota.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Divulgado o novo calendário de pagamentos do IPTU em Porto Alegre, com desconto de 10% para quitação antecipada
O distanciamento controlado ficou ainda mais rígido. Novas regras incluem limites ao uso de parques e praias pela população gaúcha
Deixe seu comentário
Pode te interessar