Sábado, 25 de setembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Mundo Pelé parabeniza Maradona nas redes sociais, dizendo: “Meu amigo, vou sempre te aplaudir”

Compartilhe esta notícia:

O ídolo argentino morreu aos 60 anos. (Foto: Reprodução)

Pelé, que completou 80 anos no dia 23, parabenizou o argentino Maradona, que chegou aos 60 anos na sexta-feira (30). O brasileiro, rei do futebol, usou as redes sociais para comemorar com uma mensagem em três idiomas diferentes.

“Meu grande amigo, Maradona. Eu vou sempre te aplaudir. Eu vou sempre torcer por você. Que a sua jornada seja longa e que você continue sempre sorrindo, e me fazendo sorrir também! Feliz aniversário!”, disse nas redes.

Maradona

O atual treinador do Gimnasia La Plata divulgou uma carta no jornal Clarín e abordou diversos temas, como, por exemplo, povo argentino, Boca Juniors e Lionel Messi. Por falar no dono da camisa 10 do Barcelona, Maradona resolveu fazer um afago no seu compatriota.

“Eu sabia que isso terminaria mal e pensei que o Leo iria embora. O Barcelona não é um clube fácil e são muitos anos ali dentro. Sei que não o trataram como você realmente merecia. Você entregou tudo, os levou ao mais alto lugar do futebol, mas quando quis ir embora lhe disseram não”.

Em outro trecho da carta, Maradona admitiu que teve medo de não receber o carinho da torcida argentina, pois passou muito tempo fora. Quando sentiu de perto o amor da hinchada ficou ainda mais apaixonado por todos.

Futebol voltou

E o futebol nacional voltou a ser disputado no país após mais de sete meses de espera e em uma data especial: o aniversário de 60 anos de Maradona. O ídolo e técnico do Gimnasia La Plata recebeu como presente a vitória de sua equipe por 3 a 0 contra o Patronato, na noite da sexta, no Estádio do Bosque. Ele, no entanto, deixou o estádio no meio do primeiro tempo.

A partida é válido pela Zona 6 da Copa Liga Profissional, torneio criado pela nova liga que organiza o futebol no país (LFP). A competição não é o Campeonato Argentino, mas dará uma vaga na Libertadores de 2021 e um lugar na Copa Sul-Americana de 2022.

Havia a dúvida a respeito da presença de Diego Maradona na partida. Ele cumpriu alguns dias de isolamento social em casa após um de seus seguranças testar positivo para o novo coronavírus. O treinador dos Lobos, no entanto, manteve-se assintomático e ficou por pouco tempo no Estádio do Bosque.

Antes da bola rolar, El Diez recebeu várias homenagens. Recebido com um show pirotécnico, ele ganhou bolos especiais do seu clube e da AFA, além de uma placa da Liga de Futebol Profissional e uma camisa comemorativa do Gimnasia. De acordo com o jornal “Olé”, Maradona deixou o estádio aos 18 minutos do primeiro tempo.

A polícia teve que conter um grupo de cerca de 500 torcedores do Gimnasia que se aglomeraram nos arredores do estádio para acompanhar a partida e receber Maradona.

Em campo, o colombiano Carbonero, o zagueiro Coronel e Ramírez marcaram os gols para o Gimnasia, que conquistou boa vitória pela Zona 6 da Copa. A chave também conta com Huracán e Vélez Sarsfield.

A Copa Liga Profissional não é o Campeonato Argentino. É um torneio provisório, diante da grande interrupção no calendário. Os jogos da competição não valerão pontos para a tabela de médias das últimas três temporadas, que define os rebaixamentos no país. A expectativa é que o descenso fique suspenso até 2022.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

As mortes provocadas pelo coronavírus nos Estados Unidos diminuem o apoio a Donald Trump
Às vésperas da eleição, os Estados Unidos batem recorde de casos de coronavírus
Deixe seu comentário
Pode te interessar