Domingo, 12 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Fog

Colunistas PROCISSÃO DE CORRUPTOS E TRAIDORES!

Compartilhe esta notícia:

Câmara dos Deputados. (Foto: Rodolfo Stuckert/Câmara dos Deputados)

A Câmara Federal não tem mais como procrastinar o “julgamento” do seu presidente Eduardo Cunha. Se para todos os dias passam rapidamente, em Brasília as horas voam. No reino da chantagem explícita, centenas de figurões devem estar até mesmo sem dormir considerando todo o “conhecimento” do peemedebista. Dizem que Cunha mantém um dossiê de cada um que algum dia pediu seus favores. Consciente que seus dias de glória estão se esgotando mandou nas últimas horas mais de um recado para o presidente interino. Sabe que vai cair, mas prometeu que vai levar junto mais de cento e cinquenta comparsas, quero dizer parceiros. Sua mulher e sua filha também estão na mira e por elas ele promete um inesquecível day after no mundo politico. Os movimentos de Cunha são de quem já sabe que o seu mundo caiu, para evitar o pior tratou de contratar os advogados Antônio Sergio Pitombo e Fátima Tórtima, os mesmos que fecharam a delação premiada de Sergio Machado, ex-presidente da Transpetro e de seus familiares. Logo saberemos o tom do mais novo tenor da Lava Jato! Aliás, Temer definiu os seus primeiros trinta dias de governo como “um inferno”. Nos próximos dias vai ver a ação do próprio Satanás. Eduardo prometeu deixar todos de olhos arregalados! Tem expertise!

Já contei aqui a piada do helicóptero que caiu num cemitério de Lisboa matando todos a bordo. Todos os veículos de comunicação foram cobrir a tragédia. Quinze dias depois o repórter com aparência cansada transmitia mais um boletim ao vivo: “Impressionante depois de duas semanas os bombeiros continuam a encontraire corpos!”. Pois a Lava-Jato é a própria piada. E os nomes vão desfilando como numa procissão de corruptos. Marina Silva surge na delação do ex-presidente da empreiteira OAS, Léo Pinheiro. É o que afirma o jornalista Lauro Jardim, na sua coluna de “O Globo”. Ainda de acordo com as informações do jornalista, o pedido do dinheiro foi feito por Guilherme Leal, um dos donos da Natura, candidato a vice-presidente de Marina naquela eleição.

O advogado Luiz Appolonio Neto finalmente lembrou-se dos R$ 240 mil entregues pela Odebrecht em seu escritório. O sobrinho do ex-ministro Delfim Netto, afirmou, em petição à Polícia Federal, que os R$ 240 mil entregues pela empreiteira Odebrecht em seu escritório, em São Paulo, foram recebidos “a pedido do tio”. A PF intimou Delfim Netto para depor e explicar o motivo de ter recebido R$ 240 mil da empreiteira, apontada como integrante do cartel que se apossou de contratos bilionários na Petrobras entre 2004 e 2014. Como na piada os agentes continuam encontrando “corpos” neste caso de vivos. Muito vivos!

Presidente do DEM, partido do deputado federal Ônix Lorenzoni esta sendo investigado por indícios de receber propina da OAS; senador Agripino Maia (RN) teria realizado operações suspeitas no valor de R$ 15,9 milhões entre dezembro de 2011 e novembro de 2014; relatório do Conselho de Controle de Atividades financeiras (Coaf), que integra o inquérito contra o parlamentar no STF, aponta suspeita de lavagem de dinheiro.

De cair o queixo: portaria assinada pelo ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, foi publicada nesta segunda-feira (13) no Diário Oficial da União, nomeia o Secretário executivo do Gabinete Pessoal da presidente eleita Dilma Rousseff, Giles Azevedo, para ocupar o cargo de assessor especial da subchefia de Análise e Acompanhamento de Políticas Governamentais da Casa Civil da Presidência da República do governo do presidente interino Michel Temer. Até tu Giles?

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Colunistas

Mulher-bomba aparece e detona Lula & PT
Não passam das intenções
Deixe seu comentário
Pode te interessar