Terça-feira, 26 de outubro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Rio Grande do Sul Reuniões entre governo do RS e Cpers têm nova rodada

Compartilhe esta notícia:

Encontro foi realizado na Secretaria da Fazenda nesta sexta (17).

Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini
Subsecretário do Tesouro, Bruno Jatene e integrantes do Gae receberam a presidente do Cpers, Helenir Schürer. (Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini)

Dando sequência as reuniões entre o governo do Estado e o Cpers, a direção da entidade foi recebida, nesta sexta-feira (17), na Secretaria da Fazenda, em Porto Alegre. O subsecretário do Tesouro do Estado, Bruno Jatene, acompanhado de representantes do Grupo de Assessoramento Especial (Gae), estiveram reunidos com a presidente do Cpers, Helenir Schürer, e demais representantes da direção.

No encontro, Jatene e integrantes do Gae ouviram reivindicações da categoria. “Esta reunião é fruto de tratativas intermediadas pela Casa Civil. Temos recebido os pleitos da entidade e, desta vez, reunimos a equipe do Gae. Esta gestão é muito aberta ao diálogo e vamos avaliar todas as possibilidades. Em 2021, não haverá reajuste, em razão das limitações da LC 173, mas queremos construir caminhos”, disse Jatene. O subsecretário informou que uma série de reuniões internas estão sendo realizadas para tratar do tema.

O subsecretário citou no encontro que a situação financeira do Estado melhorou, fruto das reformas, de um trabalho de contingenciamento das despesas, das desestatizações e também do aumento da arrecadação, apesar da pandemia. “Todas essas medidas fizeram com que conseguíssemos colocar a folha em dia. Mas mesmo diante de tudo isso, ainda estamos numa insolvência fiscal, com grandes riscos como o pagamento dos precatórios, a dívida do Estado e depósitos judiciais entre outros”, acrescentou.

Jatene explicou que em paralelo vêm sendo atendidas pedidos de esclarecimentos com o Tesouro do Estado e encaminhadas algumas demandas. Citou como exemplo o reajuste de 8,23% no valor do vale-refeição encaminhado pelo Executivo e aprovado pela Assembleia na terça-feira (14).

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Porto Alegre atualiza protocolos de atividades variáveis no enfrentamento ao coronavírus
Comando Rodoviário da Brigada Militar intensifica fiscalização no feriado de 20 de Setembro
Deixe seu comentário
Pode te interessar