Terça-feira, 24 de Novembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Fair

Bem-Estar Saiba o que você deve saber antes de fazer exercícios em dias frios

Compartilhe esta notícia:

Temperaturas mais baixas, como nos últimos dias no Estado, exigem mais atenção para não comprometer a saúde

Foto: Reprodução
Temperaturas mais baixas, como nos últimos dias no Estado, exigem mais atenção para não comprometer a saúde. (Foto: Reprodução)

Nos dias gelados, costuma surgir a dúvida: afinal, é seguro se exercitar quando as temperaturas estão muito baixas? A resposta é: depende! Se você tomar os cuidados necessários, é seguro sim.

A temperatura ideal para a prática de atividades físicas é ao redor dos 20°C. Temperaturas mais baixas, como nos últimos dias no Estado, exigem mais atenção para não comprometer a saúde. Confira dicas:

Aquecimento é fundamental

Com a temperatura mais baixa, os músculos ficam mais rígidos e contraídos, então o ideal é prepará-los de forma adequada para a sobrecarga do treino. Faça alongamentos ativos (movimentos repetitivos) e aquecimentos (caminhadas, trotes) por cerca de 15 a 20 minutos antes de começar o treino.

Use roupas adequadas

Durante a prática de exercícios, grande parte do nosso sangue se concentra na musculatura ativa. Por isso, as partes distantes ficam com menos suprimento de sangue e, no frio, ainda sofrem com a constrição dos vasos sanguíneos.

Comece o treino com mais roupas e vá tirando à medida que o corpo for aquecendo. Isso garantirá uma segurança maior na prática.

Pegue leve no frio

As baixas temperaturas passam a sensação de que podemos pegar mais pesado do que realmente conseguimos, já que o corpo parece responder melhor à sobrecarga imposta. Mas essa percepção de esforço menor é falsa – por isso, não se empolgue.

Estudos revelam que há um aumento de cerca de 30% na ocorrência de infartos durante a prática de exercícios em temperaturas abaixo de 14°C . Por isso, se você tem problemas cardíacos, evite se exercitar em áreas abertas durante o inverno. E, se você não tem, tome cuidado com os excessos.

Respire pelo nariz

É importante que, durante o treino, você dê mais atenção à respiração, que deve ser feita totalmente pelo nariz. Desta forma, você garante o aquecimento do ar gelado antes que chegue aos pulmões.

Na cabeça, temos áreas vazadas (ocas) entre os ossos – os seios da face – e o ar transita por ali, garantindo o aumento da temperatura antes de descer para os pulmões. Nas narinas existem pelos que filtram o ar, e que servem como uma primeira barreira contra a infecção por vírus e bactérias (tão comuns nesta época).

Se o dia está muito frio, a dica é cobrir o rosto com um pano ou uma máscara, garantindo que o nariz e a boca estejam bem protegidos. Isso é ainda mais importante em tempos de pandemia, quando o uso da máscara de proteção é recomendado pelas autoridades de saúde.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Bem-Estar

Fiscalizações em ônibus, garagens e terminais de Porto Alegre chegam a mais de 23 mil desde o início da pandemia
Após casos de coronavírus, penitenciária de Rio Grande, no Sul do Estado, é parcialmente interditada
Deixe seu comentário
Pode te interessar