Quarta-feira, 05 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Fog

Brasil Servidores querem impedir a reabertura do INSS no dia 13

Compartilhe esta notícia:

Se o INSS insistir na reabertura, servidores ameaçam com greve.(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A reabertura dos postos do INSS a partir do dia 13 – para atender agendamentos que ficaram represados por causa da pandemia de coronavírus – pode não ocorrer. E se o INSS insistir, servidores ameaçam com greve.

Representantes dos trabalhadores enviaram ofício aos ministérios Público Federal e do Trabalho, e para o presidente da Câmara dos Deputados, alertando sobre os riscos do retorno ao trabalho em meio à pandemia.

O pedido ganhou reforço em ofício enviado pela Associação Nacional dos Médicos Peritos (ANMP) para o Ministério da Economia e para o INSS. A associação também é contra a reabertura dos postos diante do quadro crescente de contaminação e afirma que as perícias não serão retomadas.

Por conta da reabertura, que segundo a Federação Nacional dos Servidores da Previdência Social (Fenaps) é prematura, o clima ficou tenso ontem durante reunião da federação com o presidente do INSS, Leonardo Rolim. Viviane Peres, diretora da Fenaps, conta que a proposta de abertura para o público é dia 13, mas os servidores tem que estar nas agências no dia 6. “Hoje (ontem) é quinta-feira e o INSS quer que os servidores estejam nas agências na segunda mas não sabe quais serão os postos e nem fez levantamento de quantos estão em grupo de risco”. Viviane informou que sindicatos estaduais estão fazendo assembleias com indicativo de greve para o dia 6, caso o INSS não volte atrás. “Domingo teremos plenária”, diz.

Recebimento de documentos

O INSS em São Paulo criou uma alternativa para que os segurados possam cumprir as exigências após solicitação de benefícios. Trata-se do projeto-piloto Exigência Expressa, que permite aos segurados enviarem documentação complementar para assegurar benefícios ou serviços do órgão.

Em virtude da pandemia do novo coronavírus, as agências do INSS estão fechadas em todo País. Pelo projeto-piloto, os beneficiários poderão entregar cópia da documentação em um sistema semelhante ao drive-thru. Este formato é uma opção aos segurados que estiverem com dificuldade em anexar seus documentos pelo Meu INSS, no site ou no aplicativo para celulares. A expectativa do governo é expandir a medida para o resto do país.

Mesmo com a medida, os beneficiários de São Paulo podem continuar a anexar a documentação diretamente pelo Meu INSS. Essas exigências são emitidas quando a pessoa solicita um benefício ou serviço no INSS, mas durante a análise, é verificada a necessidade de apresentação de documentação adicional para conclusão do processo.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

A Caixa Federal já adotou 15 medidas de estímulo ao setor imobiliário durante a pandemia; confira quais são
Caixa volta a realizar sorteios da Loteria Federal neste sábado
Deixe seu comentário
Pode te interessar