Domingo, 23 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Partly Cloudy

Mundo Terremoto atinge Atenas, na Grécia, deixa feridos e provoca danos nas telecomunicações

Um terremoto de magnitude 5,3 atingiu Atenas, na Grécia, nesta sexta-feira (19). (Foto: Alkis Konstantinidis/Reuters)

Um terremoto de magnitude 5,3 atingiu Atenas, na Grécia, nesta sexta-feira (19), causando sérios problemas nas linhas telefônicas e no fornecimento de energia elétrica. Um prédio vazio desmoronou. Edifícios ficaram danificados e uma mulher ficou levemente ferida por causa da queda de destroços, segundo a mídia grega. As informações são do portal de notícias G1, do jornal O Globo e de agências internacionais de notícias.

O epicentro do tremor foi localizado a 23 quilômetros a noroeste da capital grega e foi sentido também nas ilhas do Peloponeso. Sete réplicas, de intensidade menor, foram registradas logo em seguida, de acordo o Instituto de Geodinâmica de Atenas.

Em pânico, muitos habitantes e turistas deixaram os imóveis e correram para as ruas principalmente na região central de Atenas. Os bombeiros precisaram intervir para resgatar pessoas que ficaram presas nos elevadores em vários edifícios.

A Defesa Civil informou que bombeiros e a polícia foram mobilizados. Dois helicópteros foram mobilizados para avaliação dos danos.

Segundo o Ministério da Saúde, ao menos duas pessoas teriam ficado levemente feridas. Prédios antigos foram seriamente danificados e arranha-céus foram evacuados, fazendo com que a praça Syntagma , no centro da cidade, ficasse lotada. As linhas telefônicas dos bombeiros ficaram ocupadas com pedidos de resgate de pessoas presas em elevadores.

Danos também foram registrados no porto de Piraeus, nas proximidades de Atenas, onde uma estrutura abandonada desmoronou, e na igreja Pantanassa, na praça Monastiraki, cujo sino foi afetado. Segundo o porta-voz do governo, Stelios Petsas, não há relatos de pessoas gravemente feridas.

De acordo com as autoridades, a Acrópole, conjunto de prédios gregos históricos que incluem o Partenon, não foi afetada pelo terremoto.

Gerasimos Papadopoulos , do Instituto de Geodinâmica, disse ao The Guardian que ainda não é possível dizer se tremores mais fortes acontecerão:

Ainda é cedo para dizer se este terremoto foi o principal, mas foram registrados abalos posteriores de 3,5, 2,5 e 3,2 graus na escala Richter e isso é encorajador. Nós, contudo, vamos precisar de mais tempo e dados para ter um cenário mais claro.”

O último grande terremoto

Em Atenas, o último grande terremoto ocorreu em 1999 com uma magnitude de 5,9. Deixou 149 mortos e memórias traumáticas entre os atenienses.

A Grécia está localizada em importantes falhas geológicas e terremotos são frequentes. Na maioria das vezes, não há vítimas.

Em julho de 2017, um terremoto de magnitude 6,7 na ilha de Kos, no Mar Egeu, deixou dois mortos e danos consideráveis.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

O vice-presidente do Parlamento venezuelano faz greve de fome há mais de nove dias, diz o líder opositor Juan Guaidó
A morte de uma britânica famosa por seus vídeos no YouTube reforça a proibição de patinete elétrico nas ruas do Reino Unido
Deixe seu comentário
Pode te interessar