Terça-feira, 04 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Fog

Brasil Torcedora cai sobre uma taça de vidro e morre ao celebrar a vitória brasileira no Mundial

Compartilhe esta notícia:

Tamara Maiochi tinha 30 anos era natural de Conchal (SP). (Foto: Reprodução)

A torcedora Tamara Maiochi, de 30 anos, morreu em Itatiba (SP) após a vitória do Brasil contra a Sérvia, em partida pelo Mundial.

Segundo as investigações, a vítima subiu em uma cadeira, se desequilibrou e caiu sobre uma taça de vidro, cujos cacos atingiram o pescoço. O ferimento gerou uma hemorragia e Tamara morreu antes da chegada do atendimento médico.

O delegado Tiago Vieira Oliveira, do 1° Distrito Policial de Itatiba, diz que, a princípio, a polícia não trabalha com a hipótese de crime.

De acordo com ele, o caso foi registrado como “morte suspeita/acidental” porque antes das investigações não é possível definir com certeza o que ocorreu.

No entanto, ele afirma que todas as testemunhas narraram os mesmos fatos. Algumas pessoas que estavam presentes ainda serão ouvidas. Uma perícia também foi realizada no local.

Tamara

Nascida em Conchal (SP), Tamara morava em Itatiba. Segundo informações de suas redes sociais, ela trabalhava em uma empresa especializada na fabricação de embalagens para cosméticos.

No dia 26 de abril, Tamara escreveu uma publicação sobre aprender a partir de experiências alheias. “Algumas experiências em nossas vidas podem servir de exemplo para os outros. Sem expor, mas alertar. Nunca achamos que vai acontecer conosco. Mas acontece… O acidente. A quase morte. (…) Na minha vida e religião, o espiritismo, acredito que tudo tem um porquê.”

Desde sua morte, amigos têm escrito homenagens nas redes sociais. “Algo que ela sempre falou: fique em volta de pessoas que queiram seu bem e sua felicidade, que te coloquem pra cima. Você Tamara, foi essa pessoa”, publicou uma colega.

“Menina linda…Cheia de vida…Cheia de luz… Um pedaço de nós se foi, porque cumpriu sua missão aqui com sabedoria, amor e caridade!”, escreveu outra amiga.

Briga

Algumas confusões foram registradas no estádio do Spartak de Moscou, na Rússia, onde o Brasil bateu a Sérvia por 2 a 0 e se garantiu nas oitavas de final do Mundial, eliminando a seleção rival. Uma delas ocorreu com um sérvio que estava em meio a torcedores brasileiros na hora de um dos gols do Brasil. Ele acabou retirado da arquibancada pelos seguranças.

Em outra, as imagens mostram pelo menos quatro pessoas envolvidas; uma mulher, enrolada a uma bandeira da Sérvia, um homem, além de outros dois com blusas verde e amarela. É possível ver que há contato físico entre eles, enquanto outros torcedores tentam se afastar do tumulto.

 

Nenhum brasileiro se machucou, enquanto alguns sérvios precisaram ir para a enfermaria.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Diplomatas foram afetados por uma doença misteriosa em Cuba, disseram os Estados Unidos
A cobrança de 40% dos procedimentos médicos pode dobrar a mensalidade dos planos de saúde
Deixe seu comentário
Pode te interessar