Segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Tecnologia Twitter começa a liberar envio de bonificações por usuários do Android

Compartilhe esta notícia:

As transações são todas feitas pelo próprio aplicativo da rede social. (Foto: Reprodução)

As bonificações do Twitter finalmente começam a chegar para os usuários do aplicativo no Android. Conhecida como Tip Jar, essa adição permite ao fãs enviarem gorjetas em dinheiro para seus criadores de conteúdo favoritos a partir de valores prefixados pela rede social.

O recurso era exclusivo de proprietários de dispositivos com iOS, mas agora pode ganhar mais popularidade com a expansão da base de usuários.

No desembarque no sistema operacional do Google, as bonificações poderão ser enviadas por meio de quatro serviços distintos: Cash, Bandcamp, PayPal, Patreon e Venmo.

As transações são todas feitas pelo próprio aplicativo da rede social e exigem apenas do remetente ter mais de 18 anos e um cartão de crédito válido.

As bonificações fizeram a estreia oficial em maio, embora de forma bastante tímida e limitada a criadores de conteúdo selecionados. Com o passar do tempo, o recurso foi expandido até chegar a usuários de todo o mundo no fim de outubro. Para incentivar as doações, a rede social do passarinho até liberou a opção de enviar dinheiro via Bitcoin — e possivelmente outras criptomoedas no futuro.

Investimento pesado

Após ter passado anos sem inovações substanciais, o Twitter elegeu 2021 como o ano da sua retomada e anunciou um pacotão de novidades que chegam até o ano que vem.

A maioria delas são voltadas para aprimorar a experiência do usuário e oferecer novas formas de monetizar a produção de conteúdo, o que poderia atrair celebridades e influenciadores digitais interessados em uma graninha extra.

Com os apps de bate-papo por voz em alta no final de 2020, a rede social decidiu criar sua própria solução: o Twitter Espaços.

Para incentivar a utilização, a plataforma lançou a possibilidade de o criador cobrar por conteúdo, como se fossem ingressos pagos para palestras fechadas, e gravação das conversas para reprodução posterior.

tags: Você Viu?

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Tecnologia

Site diz que princesa Charlene de Mônaco quase morreu devido a doença misteriosa
Nubank ganha função Shopping com cupons de desconto e vantagens
Deixe seu comentário
Pode te interessar