Domingo, 15 de Dezembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
32°
Mostly Cloudy

Capa – Magazine Robert Pattinson tem rival na disputa do papel de Batman; produção do filme deve começar em 2020

Robert Pattinson (E) e Nicholas Hoult (D) disputam o papel de Batman no próximo longa. (Foto: Reprodução)

O ator Robert Pattinson não está sozinho na jornada para se transformar no próximo Batman. Segundo o jornalista Umberto Gonzalez, do site The Wrap, o ator está competindo com Nicholas Hoult (“X-Men: Primeira Classe” e “Tolkien”) pelo papel.

“Robert e Nicholas estão fazendo testes para o filme. Eu suspeito que eles estão fazendo avaliações com o traje [do herói], porque o departamento de figurino precisa da prova completa. Além disso, as produções do filme vão começar no primeiro trimestre de 2020”, escreveu o jornalista.

A Production News informou ainda que o filme será gravado em Londres, então a expectativa é que a Warner Bros. já esteja nos processos finais para decidir quem será o protagonista do projeto dirigido por Matt Reeves.

Uma parte dos fãs do Batman não gostou nada de uma possível escalação de Robert Pattinson como o herói e várias petições surgiram na internet para substituí-lo no papel.

Um dos abaixo-assinados diz que escalar Pattinson seria “uma repetição do erro conhecido como Batfleck”. O termo faz referência a Ben Affleck, que viveu o herói nos filmes “Batman vs. Superman”, “Esquadrão Suicida” e “Liga da Justiça” antes de se afastar do papel.

Com o nome de “The Batman”, a próxima aventura do Homem-Morcego chega aos cinemas em 2021, ou seja, não há muito espaço para atrasos.

Mulher-Maravilha

Patty Jenkins explicou o motivo de escolher o ano de 1984 para a sequência de Mulher-Maravilha. Em entrevista ao Deadline, a cineasta explicou que o período conversa muito com os tempos atuais.

“Escolhi 1984 por uma razão muito especifica. Acredito que foi o auge do sucesso dos anos 80, na minha opinião, pois foi pouco antes do mercado ficar com dificuldades com o restante da década. E foi tipo o topo do topo. Foi uma época incrível. Acredito que haja algo sobre o excesso deste período de tempo, que se conecta com o que existe hoje. É tudo o que posso dizer”, finalizou.

Ainda não há detalhes sobre a trama de Mulher-Maravilha 1984, mas Jenkins retorna como diretora, Gal Gadot será novamente a heroína do título e Chris Pine está no filme como Steve Trevor. Entre as novidades do elenco estão Kristen Wiig, como a vilã Mulher-Leopardo e Pedro Pascal.

A sequência ganhou suas primeiras cenas na San Diego Comic-Con 2018. O material não foi divulgado on-line.

A estreia do longa da super-heroína está marcada para julho de 2020.

Voltar Todas de Capa – Magazine

Compartilhe esta notícia:

Hillary Clinton e sua filha abrirão uma produtora
Arnold Schwarzenegger se lançou como rapper em colaboração com austríaco
Deixe seu comentário
Pode te interessar