Quarta-feira, 27 de Maio de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Fair

Notícias A prefeitura de Porto Alegre lançou um guia sobre as medidas restritivas durante a pandemia de coronavírus

Compartilhe esta notícia:

Cartilha está disponível no site da administração municipal. (Foto: Marcello Campos/O Sul)

A fim de orientar a população sobre as restrições do comércio, indústria, serviços públicos e privados durante o período de calamidade pública decretado para conter a pandemia de coronavírus, a prefeitura de Porto Alegre lançou nesta quarta-feira (8) o guia “#PoaContraOCorona”. Trata-se de uma publicação digital em linguagem acessível com uma série de perguntas e respostas.

Para ler, baixar ou imprimir o material, disponibilizado em arquivo do tipo “pdf”, o internauta deve acessar a página oficial do Executivo e fazer a busca no campo de pesquisa ou de notícias. O endereço é www.prefeitura.poa.br.

O texto de apresentação do documento reforça o caráter coletivo do desafio de frear a contaminação comunitária por Covid-19. Segundo a administração municipal, o objetivo é engajar 1,5 milhão de habitantes da cidade na conscientização sobre a seriedade da campanha de isolamento social “#FiqueEmCasa”.

De acordo com o prefeito Nelson Marchezan Júnior, o material é um instrumento facilitador do acesso à informação para a população: “Estamos utilizando todas as ferramentas para conscientizar os porto-alegrenses que o mês de abril será de isolamento e o resultado depende do engajamento de todos. Nosso inimigo é só um e não pode ser derrotado se não unirmos a sociedade”.

Em 53 páginas, a publicação está separada por capítulos que reúnem informações sobre comércio, indústria e serviços públicos e privados em funcionamento e também a respeito de estabelecimentos, ambientes e eventos fechados ou cancelados temporariamente, além de alterações e restrições em serviços públicos municipais.

Decreto-Base

O Decreto nº 20.534 (74 artigos), bem como suas alterações publicadas posteriormente pelo decreto 20.540, unifica as principais decisões tomadas pela prefeitura de Porto Alegre em um total de 25 decretos assinados desde o dia 16 de março para frear a transmissão do coronavírus em ambito municipal. O regramento para isolamento social vale até 30 de abril, prazo que pode ser revisado a qualquer momento.

Vale ressaltar que a capital gaúcha lidera o ranking dos 74 municípios com casos confirmados da doença: até a noite desta quarta-feira, dados da SES (Secretaria Estadual da Saúde) contabilizavam 279 (299, nas contas da Secretaria Municipal) dos 581 diagnósticos positivos (incluindo os pacientes comprovadamente curados) no Estado. A cidade também encabeça o número de óbitos por coronavírus, com seis de dez ocorrências.

Essa estatística não exclui os 105 pacientes comprovadamente curados da doença, ou seja, que tiveram resultado positivo mas já não manifestam sintomas há pelo menos 14 dias. Já os casos suspeitos na cidade mais populosa do Rio Grande do Sul abrangem 229 indivíduos, 20 deles internados em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Outros 627 casos foram descartados desde o dia 10 de março, data em que o governo gaúcho informou o primeiro caso.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

A produção industrial brasileira cresceu em 11 dos 15 locais pesquisados em fevereiro
Ozônio pode eliminar o coronavírus de ambientes fechados
Deixe seu comentário
Pode te interessar