Sábado, 04 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
11°
Fair

Política Bolsonaro cumprimenta apoiadores em ato em Brasília e faz postagem sobre lei de abuso de autoridade

Compartilhe esta notícia:

Bolsonaro costuma interagir com populares.

Foto: Alan Santos/PR
Bolsonaro costuma interagir com populares. (Foto: Alan Santos/PR)

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro voltaram à Praça dos Três Poderes, neste domingo (24), em uma manifestação organizada pelas redes sociais. Pouco antes do meio-dia, acompanhado pelo ministro-chefe do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), general Augusto Heleno e o deputado federal Hélio Lopes (PSL-RJ), Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada de helicóptero e sobrevoou a Esplanada dos Ministérios para observar uma carreta que fez parte do ato. Depois que pousou na área da Vice-presidência do Palácio, Bolsonaro veio caminhando pela pista acenando para os manifestantes que, vestidos de verde e amarelo e com faixas e bandeiras do Brasil, estavam separados do presidente apenas por uma grade. Bolsonaro ficou na manifestação por quase uma hora. Em seguida, voltou ao Palácio da Alvorada sem falar com a imprensa.

Mais cedo, Bolsonaro publicou em uma rede social a reprodução de uma imagem sobre a Lei de Abuso de Autoridade.

Na imagem lê-se o seguinte texto: “Divulgar gravação ou trecho e gravação sem relação com a prova que se pretenda produzir, expondo a intimidade ou a vida privada ou ferindo a honra ou a imagem do investigado ou acusado: pena – detenção de 1 (um) a 4 (quatro) anos”.

Na sexta-feira (22), o ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), retirou o sigilo da gravação da reunião ministerial de 22 de abril, apontada pelo ex-ministro Sérgio Moro como prova de que o presidente tentou interferir na Polícia Federal.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Militar sem cargo liberou portaria que triplica limite de compra de munições
Estados Unidos devem proibir viajantes do Brasil por causa de pandemia
Deixe seu comentário
Pode te interessar