Segunda-feira, 19 de Abril de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Fair

Últimas Centro de Pesquisa e Inovação da Brigada Militar é instalado no Campus da PUCRS

Compartilhe esta notícia:

As atividades do centro visam a modernização dos processos administrativos e melhor qualidade no atendimento ao público interno e externo da Corporação. (Foto: Brigada Militar)

A manhã da quarta-feira (24) foi um marco no cenário de avanços tecnológicos e científicos para a Brigada Militar. Em uma pequena cerimônia respeitando as medidas sanitárias para evitar a transmissão do coronavírus, foi instalado o Centro de Inovação e Pesquisa da Brigada Militar. Fruto de uma parceria entre a Instituição e a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), as atividades do centro visam a modernização dos processos administrativos e melhor qualidade no atendimento ao público interno e externo da Corporação, resultando em melhoria na segurança pública.

Estiveram presentes no evento que foi realizado no Prédio 5 do Campus da PUC, o Comandante-Geral da Brigada Militar, Coronel Rodrigo Mohr Picon; o Subcomandante-Geral Coronel Vanius Cesar Santarosa; o Chefe da Assessoria de Assuntos Estratégicos e coordenador do Centro de Inovação e Pesquisa da BM, Major Roberto dos Santos Donato, o Reitor da PUC-RS, Ir. Evilázio Teixeira, o Vice-reitor da Universidade, Ir. Manuir Mentges, o Relações Institucionais da PUC, Solimar Amaro e o Pró-Reitor de Administração e Finanças, Alam Casartelli.

Durante a solenidade o Comandante-Geral, Coronel Mohr e o Reitor da Instituição de ensino assinaram o termo de cooperação entre BM e Universidade. O Centro prevê a criação de ferramentas, algoritmos, plataforma e sistemas que possam digitalizar o serviço da Brigada Militar para que, por meio de uma transformação digital, seja possível prestar um atendimento mais ágil à população.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Últimas

Porto Alegre recebeu mais de 35 mil novas doses de vacina contra o coronavírus
Estado faz o pagamento de R$ 68 milhões aos hospitais gaúchos
Deixe seu comentário
Pode te interessar