Sexta-feira, 03 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
11°
Partly Cloudy

Brasil É falso o e-mail dizendo que o consumidor caiu na malha fina, alertou a Receita Federal

Compartilhe esta notícia:

A Receita também pagará R$ 109,6 milhões a 20.087 mil contribuintes que fizeram a declaração entre 2008 e 2018, mas estavam na malha fina.(Foto: EBC)

A Receita Federal alertou sobre um mensagem falsa enviada por e-mail usando o nome do órgão. A mensagem diz que o contribuinte caiu na malha fina e o orienta a clicar em um link que, supostamente, levaria a um relatório sobre o Imposto de Renda 2018.

O órgão disse que não envia e-mails sobre malha fina e não autoriza nenhuma instituição a mandar e-mails em seu nome.

Como checar

O caminho correto para o contribuinte saber se caiu na malha fina do Imposto de Renda é acessar o Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal (e-CAC) e informar seu CPF, código de acesso e senha. Em seguida, clique em “Extrato da DIRPF”.

No extrato, a seção “Pendências de malha” informa se a declaração está retida na malha fina ou se há alguma pendência que possa ser regularizada.

O que fazer

Segundo a Receita, 628 mil declarações do IR 2018 ficaram retidas na malha fina por “inconsistência nas informações prestadas”. Isso corresponde a 2% do total de declarações recebidas.

Se informou um dado errado ou omitiu informações, como não incluir rendimentos de dependentes, automaticamente a declaração fica retida.

Se a declaração apresenta informações incorretas ou incompletas, o contribuinte deve, o quanto antes, providenciar a retificação do documento, enviando uma nova versão com os dados corrigidos.

Mas é preciso ficar atento, pois não é possível retificar a declaração depois que a Receita convocou a pessoa para prestar esclarecimentos. Portanto, quanto antes providenciar as correções, melhor.

Se a declaração foi feita pelo aplicativo para celular ou tablet, você não poderá retificar a declaração por esse sistema. Você pode optar pela retificação online, no próprio site da Receita, ou usar o programa de computador de preenchimento da declaração para enviar um arquivo com a versão retificada.

Por outro lado, se a declaração foi retida na malha fina, mas o contribuinte está com tudo em dia e o documento foi preenchido corretamente, deve aguardar o Termo de Intimação ou a Notificação de Lançamento da Receita Federal, ou agendar atendimento para a entrega da documentação que comprova o acerto das informações declaradas.

 

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Um avião da Gol arremeteu para não colidir com um da Azul em Fernando de Noronha
O ministro da Economia, Paulo Guedes, recuou e não vai desidratar a reforma para os Estados, disse um governador
Deixe seu comentário
Pode te interessar