Terça-feira, 20 de Outubro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Fair

Celebridades Fiorella Mattheis lança marca e apoia a moda sustentável

Compartilhe esta notícia:

A atriz deixou a TV um pouco de lado para apostar na marca 100% sustentável e encontrou seu nicho em um período que passou nos Estados Unidos

Foto: Reprodução
A atriz deixou a TV um pouco de lado para apostar na marca 100% sustentável e encontrou seu nicho em um período que passou nos Estados Unidos. (Foto: Reprodução)

Fiorella Mattheis lançou a plataforma Gringa, com grandes nomes da moda, na última semana. A atriz deixou a TV um pouco de lado para apostar na marca 100% sustentável e encontrou seu nicho em um período que passou nos Estados Unidos.

Ela conta como surgiu a ideia de criar um projeto voltado para o mundo da tecnologia focando no público da internet. “Vem da minha experiência como consumidora de Second hand. Há pelo menos três anos, antes de qualquer compra, eu procuro em revenda se encontro o produto que quero, tenho consumido mais em revenda do que em vendas normais”, explica.

Fiorella detalha o pontapé inicial para a criação da startup Gringa. “Conheci uma plataforma de revenda de produtos de moda nos EUA e com uma experiência de consumidor incrível sentia falta de uma plataforma que pudesse fazer esse serviço de alta qualidade para nós brasileiros. O futuro da moda é circular, eu sou apaixonada por moda e trabalho com ela há 16 anos, comprar e vender produtos usados pode ser uma experiência muito legal, com poder de barganha, curadoria, investimentos, oportunidade, faz bem ao planeta e outros tantos motivos. Venho trabalhando na Gringa há um ano”, comenta.

Fiorella relata também o objetivo com o novo trabalho. “É incentivar a moda circular, estender a vida útil dos produtos e contribuir para um mundo mais sustentável. Começamos operando segmentado com bolsas de luxo, em breve vamos aceitar todas as categorias de roupas femininas, masculinas, infantil, joias e móveis de design”, afirma.

A atriz fala ainda sobre os produtos disponibilizados no e-commerce. Alguns artigos já tiveram como donos nomes como Bruna Marquezine, Angélica, Thaila Ayala, entre outros. “Temos quatro dias de lançamento com 100% das vendas revertidas para o combate da covid-19 junto com Instituto PHI. São 28 bolsas participando do leilão. Todas são doações dos meus amigos, temos Gucci, Prada, Valentino, Fendi, Louis Vuitton, Stella McCartney, Chanel e muito mais”, diz.

Segundo Fiorella, ela tem experiência de comprar e vender artigos em brechó. “Muito, sou super adepta! Hoje em dia minhas peças favoritas e que mais uso são de revenda. E não só de moda, na Gringa optamos por compartilhar espaço em um escritório e todos aparelhos como computadores e celulares são de segunda mão”, pontua. A artista dá dicas para investir na moda consciente: “Consumir o que já foi de alguém e vender o que você não usa mais”.

A atriz adota hábitos em prol da sustentabilidade na sua rotina. “Há mais de dois anos eu opto por comprar produtos de revenda, seja ele qual marca for. Consumir algo que já existe, já teve um dono é super sustentável. Sobre marcas que incentivam a sustentabilidade minha favorita é a Stella McCartney e Nanushka. A marca nacional Catarina Mina tem um proposta super a frente, de transparência com consumidor abrindo seus custos e sustentabilidade”, destaca.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Celebridades

Exposição Clara Pechansky y Sus Amigas chega a Porto Alegre
Anitta condena ataques racistas a Ludmilla e diz: “Criminosos covardes”
Deixe seu comentário
Pode te interessar