Sábado, 28 de maio de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Partly Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Você viu? Garrafa jogada no mar por um menino americano viaja meio mundo e é encontrada três anos depois na Irlanda do Norte

Compartilhe esta notícia:

Garoto de 14 anos colocou garrafa no mar junto de seu vizinho. (Foto: Reprodução)

“Fomos pouco mais de um quilômetro da costa, na praia de Ocean City, e jogamos e ela simplesmente começou a navegar”, disse Sasha Yonyak em entrevista à NBC.

Um menino de Maryland, nos Estados Unidos, e seu vizinho colocaram uma mensagem escrita dentro de uma garrafa e a soltaram no mar. Três anos depois, a mesma embalagem foi encontrada por um casal nas águas da Irlanda do Norte

Sasha combinou com seu vizinho (conhecido como Senhor Wayne) e eles se encontraram para colocar a garrafa na água.

Três anos depois dessa data a mensagem foi encontrada por um casal que passeava por uma praia na Irlanda do Norte. Ciaran Marron e Rita Simmonds enxergaram uma possibilidade única naquele momento.

“Sabíamos de qualquer maneira que tínhamos uma mensagem em uma garrafa e ficamos muito animados (…) É uma coisa única na vida, é algo que você meio que sonha quando criança encontrar esta garrafa e levá-lo em uma viagem mágica.”, declarou o casal.

Depois disso os dois começaram a procurar pelo autor da mensagem. Através de uma rede social chegaram ao pai de Sasha, Vlad Yonyak.

“Foi tão legal ouvir que a garrafa chegou à Irlanda”, disse o pai do garoto.

Sasha hoje tem 14 anos, porém, o seu vizinho Sr. Wayne morreu em 2021 e não pôde ver o destino que a mensagem tomou por entre os mares.

“Essa garrafa apenas reflete a vida feliz e os momentos bons que eles tiveram juntos.”, comentou Vlad.

Outro caso

Em setembro do ano passado, uma mensagem em uma garrafa lançada há 37 anos por pessoas que estavam no ensino médio do Japão nos anos 1980 foi encontrada a cerca de 6.000 quilômetros de distância, no Havaí, nos Estados Unidos.

Membros de um clube de ciências naturais do Colégio Choshi, em Chiba, no leste de Tóquio, jogaram 750 garrafas no mar entre 1984 e 1985 para investigar as correntes marinhas.

Com mensagens em inglês, japonês e português, nas quais se pedia que entrasse em contato com o remetente, as garrafas chegaram a lugares tão distantes quanto Filipinas, Canadá e Alasca.

Nenhuma outra havia aparecido desde que a garrafa número 50 foi recuperada em 2002, em Kagoshima, no sul do Japão.

A 51ª foi encontrada em junho por uma menina de nove anos, em uma praia do Havaí. As mensagens continuam legíveis.

tags: Você Viu?

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Você viu?

WhatsApp clonado: como recuperar conta e se proteger de golpe
Freddie Figgers, o inventor milionário que foi jogado no lixo quando era bebê
Deixe seu comentário
Pode te interessar