Terça-feira, 14 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
Fair

Política Governo exonera presidente do Banco Nacional do Nordeste um dia após a posse

Compartilhe esta notícia:

Cabral é alvo de investigação do TCU.

Foto: Divulgação BNB
Cabral é alvo de investigação do TCU. (Foto: Divulgação BNB)

O recém-empossado presidente do BNB (Banco do Nordeste), em Fortaleza, Alexandre Cabral, foi destituído do cargo pelo conselho de administração do banco nesta quarta-feira (3), um dia após assumir o cargo. Antônio Jorge Pontes Guimarães Júnior, atual diretor financeiro e de crédito, foi nomeado presidente interino. Ele vai acumular as duas funções.

Cabral é alvo de investigação do TCU (Tribunal de Contas da União) sobre suspeitas de irregularidades em contratações feitas pela Casa da Moeda durante sua gestão à frente da estatal, em 2018, que geraram prejuízo estimado em R$ 2,2 bilhões. 

Em nota confirmando a saída de Cabral, o superintendente responsável pelas relações com investidores, Sério Brito Clark, diz que o banco tomou conhecimento sobre as investigações do TCU do período em que Cabral esteve à frente da Casa da Moeda pela mídia. “Assim sendo, reitera seu compromisso de transparência e tempestividade de comunicação dos fatos aos seus acionistas”. 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Brasil inicia neste mês testes com vacina contra o coronavírus
Dólar fecha no menor nível em dez semanas e cai para R$ 5,08
Deixe seu comentário
Pode te interessar