Sábado, 25 de setembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Notícias Harry e Meghan são aplaudidos de pé em um de seus últimos compromissos pela realeza britânica

Compartilhe esta notícia:

Harry e Meghan compareceram ao Mountbatten Music Festival, realizado no Royal Albert Hall, em Londres. (Foto: Reprodução)

O príncipe Harry e a atriz e duquesa Meghan Markle foram aplaudidos de pé naquele que foi um de seus últimos compromissos representando a Família Real Britânica. No caso, foi o último evento de Harry como Capitão General dos Fuzileiros Navais Reais, cargo que ele herdou de seu avô, Príncipe Philip (98 anos), em 2017.

No caso, o evento com a presença do casal foi o Mountbatten Festival of Music, no salão de espetáculos Royal Albert Hall, em Londres. Harry esteve presente com sua vestimenta militar completa, com a presença das medalhas recebidas por ele por sua participação em duas missões na Guerra do Afeganistão.

Também chamou atenção no evento o vestido vermelho utilizado por Markle, da marca Safiyaa, com custo estimado em £1,295, cerca de 7,8 mil reais. Na conta do casal no Instagram constam várias fotos da presença deles na apresentação, principalmente com registros feitos nos bastidores do espetáculo.

Antes do início das apresentações musicais do festival, ainda durante as apresentações das autoridades presentes no Royal Albert Hall, Harry e Markle foram fotografados sorridentes enquanto eram aplaudidos de pé pelos demais convidados e pelo público presente no espetáculo.

Em sua edição de 2020, o Mountbatten Festival of Music celebra durante dois dias o aniversário de 75 anos do término da Segunda Guerra Mundial e os 80 anos da formação da força de elite Britain’s Commandos, criada por Winston Churchill em 1940.

Markle e Harry estão passando por aquela que tem sido apontada como a turnê final do casal pelo Reino Unido como membros da realeza. Nesta terça-feira (10), eles ainda participam da missa do Dia da Comunidade das Nações, na abadia de Westminster. O evento celebrará a organização composta por 53 países que já fizeram parte do Império Britânico.

Harry e Markle anunciaram sua renúncia aos seus cargos e funções seniores da Família Real Britânica no mês de janeiro. Após negociações tensas envolvendo o Príncipe, seu pai Charles, seu irmão William e sua avó, a Rainha Elizabeth 2ª, ficou determinado que ele e a esposa sairiam em definitivo da realeza a partir do dia 31 de março de 2020.

Com o anúncio da saída, o casal perderá todos seus benefícios e suas atribuições como membros da realeza, enquanto a intenção prévia era de que eles passassem a ser colaboradores em meio período da Família Real. A expectativa é que o casal passe a viver no Canadá a partir do mês de abril.

O afastamento resultou em um pedido público para que Markle e Harry deixassem de sua a nomenclatura Royal Sussex (‘Realeza Sussex’), referente aos seus títulos como duque e duquesa de Sussex. Em resposta, Harry e Markle divulgaram um comunicado no qual afirmaram que “a Rainha não é dona da palavra ‘Real’”.

Uma das questões envolvendo a saída do casal da realeza diz respeito ao nome que Harry deverá adotar após seu afastamento. Com o nome de batismo Sua Alteza Real Henry Charles Albert David Duque de Sussex, ele não poderá ser chamado de Sua Alteza Real após a saída. Os nomes apontados até o momento são Henry Charles Albert David Duque de Sussex, Harry Duque de Sussex, Harry Sussex e Harry Mountbatten-Windsor.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

Ex-marido de Katy Perry admite estar de coração partido após saber da gravidez da cantora
Luize Altenhofen celebra Dia da Mulher com selfies de maiô e recado: “Ser perfeita é chato”
Deixe seu comentário
Pode te interessar