Domingo, 03 de julho de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
15°
Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Mundo Homem mais velho do mundo, venezuelano que toma aguardente todos os dias completa 113 anos

Compartilhe esta notícia:

Segundo o Guinness World Records, Juan Vicente Mora tem saúde e memória excepcionais

Foto: Guinness World Records
Segundo o Guinness World Records, Juan Vicente Mora tem saúde e memória excepcionais. (Foto: Guinness World Records)

O venezuelano Juan Vicente Mora, declarado a pessoa mais velha do mundo pelo Guinness World Records na semana passada, completa 113 anos nesta sexta-feira (27). O idoso tem 11 filhos, 41 netos, 18 bisnetos e 12 tataranetos, informou o Guinness em um comunicado à imprensa.

Juan Vicente afirmou que tem boa saúde e que toma um copo de aguardente todos os dias. Segundo ele, o segredo para uma vida longa é “trabalhar duro, descansar nos dias de folga, ir para a cama cedo, beber um copo de aguardente todos os dias, amar a Deus e sempre carregá-lo em seu coração”.

“Além da pressão arterial ligeiramente elevada e dos problemas auditivos devido à idade, o idoso está realmente muito bem de saúde e não toma medicação”, disse Henrique Bujan, médico de uma clínica em San José de Bolívar, no Estado venezuelano de Táchira. “Ele parece totalmente bem”, afirmou Bujan.

Juan Vicente se tornou a pessoa mais velha do mundo depois que Saturnino de la Fuente Garcia, nascido em 11 de fevereiro de 1909 na Espanha, morreu com 112 anos e 341 dias, em janeiro.

Aos 5 anos de idade, o venezuelano começou a trabalhar com seu pai e seus irmãos na agricultura e ajudava na colheita de cana-de-açúcar e café. Ele foi casado por 60 anos com Ediofina del Rosario García, que morreu em 1997.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

SpaceX, do bilionário Elon Musk, coloca em órbita dois satélites da Força Aérea Brasileira
Bolsonaro diz que a esquerda “demoniza policiais e suaviza criminosos como se fossem vítimas”
Deixe seu comentário
Pode te interessar