Sexta-feira, 03 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
Fair

Brasil Inflação do aluguel desacelera em março

Compartilhe esta notícia:

Indicador variou 0,59% no primeiro decêndio de maio (Foto: Banco de Dados)

O IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado), usado para reajustar os contratos de aluguel, desacelerou para 0,51% em março, ante 1,29% em fevereiro. No ano, o indicador acumula alta de 2,97% e, em 12 meses, de 11,56%, informou nesta quarta-feira (30) a FGV (Fundação Getulio Vargas).

Dois dos três subíndices que compõem o cálculo do IGP-M perderam força neste mês. O IPC (Índice de Preços ao Consumidor) registrou variação de 0,58% em março, ante 1,19% em fevereiro. Quatro das oito classes de despesa componentes do índice registraram decréscimo em suas taxas de variação. A principal contribuição partiu do grupo habitação (0,83% para -0,06%).

Também apresentaram decréscimo em suas taxas de variação os grupos transportes (1,73% para 0,54%), educação, leitura e recreação (2,06% para -0,01%) e alimentação (1,42% para 1,12%). Nestas classes de despesa, os destaques foram: tarifa de ônibus urbano (3,95% para -0,29%), cursos formais (3,26% para 0,05%) e hortaliças e legumes (5,29% para -1,56%), respectivamente.

Já o índice que mede os preços no atacado recuou de 1,45% para 0,44%, e o que avalia os preços no varejo, de 1,19% para 0,58%. Já o índice de preços da construção, que tem um peso menor do que o dos outros no IGP-M, subiu de 0,52% para 0,79%. (AG) 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Trabalhador poderá usar FGTS como garantia de empréstimo consignado
Mulher que ia ao enterro da mãe perde o controle do veículo e morre também
Deixe seu comentário
Pode te interessar