Sexta-feira, 21 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Mostly Cloudy

Cultura Inscrições para novo edital do RS Criativo começam dia 15

Empreendimentos selecionados receberão acompanhamento permanente no Hub Criativa Birô, na Casa de Cultura Mario Quintana.

Foto: Solange Brum/Ascom Sedac
Empreendimentos selecionados receberão acompanhamento permanente no Hub Criativa Birô, na Casa de Cultura Mario Quintana. (Foto: Solange Brum/Ascom Sedac)

As inscrições para o edital de chamamento do 2° Ciclo de Residência Criativa estarão abertas de 15 de janeiro a 15 de fevereiro. A realização é da Secretaria da Cultura, por meio do Programa RS Criativo, em parceria com a Secretaria Especial da Cultura, do governo federal. O edital selecionará empreendimentos criativos que serão apoiados por 12 meses, recebendo acompanhamento permanente da equipe do programa – Hub Criativa Birô (3° andar da Casa de Cultura Mario Quintana) para o desenvolvimento das atividades.

Os projetos selecionados terão direito de ocupar gratuitamente salas compartilhadas de trabalho, de usar a chancela do RS Criativo e participar de eventos, capacitações e ações de networking. O objetivo é contribuir para a criação e consolidação de empreendimentos sustentáveis, com produtos e serviços inovadores no âmbito da economia criativa do Rio Grande do Sul.

Poderão participar como proponentes da chamada pública pessoas físicas residentes ou domiciliadas no Rio Grande do Sul, demonstrando comprovada atuação no setor da cultura ou economia criativa e responsável direto pelo desenvolvimento do empreendimento. Serão selecionadas 20 propostas de empreendimentos da economia criativa – cinco delas do interior do Estado.

Cada empreendedor terá direito ao uso da infraestrutura completa do RS Criativo, sem custo de manutenção, e desenvolvimento do empreendimento por meio de reuniões de avaliação e acompanhamento da equipe do programa, resultando em encaminhamento para consultorias. Além disso, terá vaga prioritária em treinamentos coletivos e eventos realizados no espaço, articulação com os empreendedores residentes e parceiros, networking com profissionais de diversos setores através da realização de encontros e conversas.

O empreendedor, ao integrar-se ao 2º Ciclo de Residência Criativa, participará de uma importante fase de amadurecimento, validação e ajuste de seu projeto, além da possibilidade de potencializar o intercâmbio com outros setores da economia criativa, aproveitando oportunidades que surgirão nesse ambiente colaborativo. É também um caminho possível para o empreendedor criativo conhecer melhor a sua singularidade e fazer conexões com outros setores.

O ciclo configura-se através de encontros entre pessoas, gerando experiências ricas e construtivas, no intuito de pensar as estruturas de empreendimentos no contexto das novas economias. O desdobramento pretendido é um processo vivo e aberto, que articula afetos, ideias, talentos, territórios e potenciais de transformação. O acolhimento e a vivência desses empreendimentos possibilitarão exercícios de projeção para o aprimoramento contínuo dos mesmos.

O objetivo do programa RS Criativo é contribuir para o desenvolvimento socioeconômico sustentável e integrado do Estado, por meio do fortalecimento de cadeias e arranjos produtivos intensivos, relacionados à economia criativa.

Em 2019, o 1º Ciclo de Residência contou com 17 empreendimentos criativos (selecionados via edital de chamamento público) que representam uma diversidade de setores: audiovisual, moda, eventos e turismo cultural, arquitetura, artes visuais, literatura e mercado editorial, cultura popular e publicidade, entre outros.

Para realizar a inscrição os interessados devem acessar o site www.cultura.rs.gov.br e clicar na aba RS Criativo.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cultura

Investimentos no País recuaram 1% em novembro
Medidas para reduzir fila do INSS serão anunciadas nesta quarta-feira
Deixe seu comentário
Pode te interessar