Sexta-feira, 25 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Fair

Cinema Joaquin Phoenix, ator de “Coringa”, diz que imprensa foi agressiva após morte do irmão

Compartilhe esta notícia:

Artista lembrou do parente morto por overdose em 1993

Foto: Reprodução
Artista lembrou do parente morto por overdose em 1993 (Foto: Reprodução)

Intérprete do filme “Coringa”, que lidera a corrida pelo Oscar com mais indicações ao prêmio, o ator Joaquin Phoenix relembrou, em entrevista a uma TV americana, a morte do irmão mais velho, em 1993, o também ator River Phoenix.

Segundo ele, a imprensa atrapalhou o luto da família. “Durante o período em que você está mais vulnerável, há helicópteros sobrevoando, há pessoas tentando entrar furtivamente em sua terra”, comentou. “Certamente, para mim, parecia que estava impedido o processo de luto”, disse, ao programa 60 Minutes.

River morreu aos 23 anos. Ele tinha quatro anos a mais do que Joaquin. Na época, já havia feito muitos trabalhos, como “Seven Brides for Seven Brothers” e o filme “O Peso de um Passado” (1988). River foi indicado ao Oscar e ao Globo de Ouro como ator coadjuvante.

Dois meses antes de ter uma overdose, fez o personagem James Wright no filme “Um Sonho, Dois Amores”. “Estávamos tão distantes do mundo do entretenimento. Não assistíamos a programas de entretenimento. Não tínhamos as revistas de entretenimento em nossa casa. Sabe, River era um ator e estrela de cinema realmente substanciais e nós realmente não sabíamos disso”, completou.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cinema

Ludmilla comemora aniversário da esposa em festa fechada com escola de samba
Xeque-Mate estreia dia 25 de janeiro no Porto Verão Alegre
Deixe seu comentário
Pode te interessar