Sexta-feira, 23 de Outubro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Fair

Brasil Jorge Paulo Lemann não é mais o brasileiro mais rico. Confira o novo ranking

Compartilhe esta notícia:

Joseph Safra (direita) ultrapassou Jorge Paulo Lemann e é o mais rico do Brasil. (Foto: Reprodução)

A revista Forbes Brasil publicou a sua mais recente edição, deste ano, da lista dos bilionários brasileiros com uma surpresa. Jorge Paulo Lemann, que liderava o ranking desde 2013, perdeu o posto para Joseph Safra.

O terceiro brasileiro mais rico é Eduardo Saverin, que ajudou Mark Zuckerberg a fundar o Facebook. Ele aparece nesta posição pela primeira vez, graças à valorização das ações da rede social, que fizeram sua fortuna aumentar 61% em relação a 2019.

Entre as mulheres, a empresária Luiza Helena Trajano, do Magazine Luiza, assumiu o posto de brasileira mais rica, que era de Miriam Voigt, da Weg. O patrimônio da fundadora do Magalu cresceu 181% no último ano, fazendo Luiza Helena subir 16 posições no ranking, alcançando o oitavo lugar no ranking geral.

Ao todo, a Forbes Brasil listou 238 bilionários brasileiros, que somam fortuna de R$ 1,6 trilhão. Conheça a lista dos 10 brasileiros mais ricos, de acordo com a revista.

1 – Joseph Safra: R$ 119,08 bilhões;

2 – Jorge Paulo Lemann: R$ 91 bilhões;

3 – Eduardo Saverin: R$ 68,12 bilhões;

4 – Marcel Herrmann Telles: R$ 54,08 bilhões;

5 – Carlos Alberto Sicupira e família: R$ 42,64 bilhões;

6 – Alexandre Behring: R$ 34,32 bilhões;

7 – André Esteves: R$ 24,96 bilhões;

8 – Luiza Trajano: R$ 24 bilhões;

9 – Ilson Mateus: R$ 20 bilhões;

10 – Luciano Hang (Havan): R$ 18,72 bilhões;

Além de ser a pessoa mais rica do Brasil, com patrimônio estimado em R$ 119,08 bilhões, Safra é também o banqueiro mais rico do mundo, de acordo com a revista. Libanês naturalizado brasileiro, Joseph Safra herdou, em 1955, o banco fundado pelo pai. Hoje é dono do banco Safra (Brasil), do J. Safra Sarasin (Suíça) e do Safra National Bank (EUA). Segundo a Forbes, além de investimentos bilionários, ele também é dono, ao lado de José Cutrale, da Chiquita Brands, maior produtora de bananas do mundo.

Estados Unidos

O diretor executivo da Amazon, Jeff Bezos, permaneceu no topo da lista da Forbes dos americanos mais ricos pelo terceiro ano consecutivo. Enquanto isso, a classificação do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, despencou, devido ao efeito da pandemia sobre seus negócios, como prédios de escritórios, hotéis e resorts, disse a revista.

A fortuna de Bezos é avaliada em US$ 179 bilhões pela Forbes, embora segundo o Bloomberg Billionaires Index ela já tenha passado dos US$ 200 bilhões. Em segundo lugar na revista está Bill Gates, da Microsoft, com US$ 111 bilhões, e, em terceiro, Mark Zuckerberg, do Facebook, com US$ 85 bilhões. A primeira mulher da lista é Allice Walton, da Walmart, na décima posição, com US$ 62,3 bilhões.

A riqueza agregada da lista Forbes 400 aumentou para um recorde de US$ 3,2 trilhões, com os bilionários dos EUA prosperando, embora a pandemia tenha devastado a economia e causado a perda de empregos de mais de 1,8 milhão de americanos.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Mãe diz que perdeu a guarda do filho por ser vegana. Já a Justiça aponta negligência nos cuidados com a criança
Edição extra do Diário Oficial convoca peritos do INSS para trabalhar
Deixe seu comentário
Pode te interessar