Sábado, 26 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Partly Cloudy

Magazine Morre o criador da Festa Nacional da Música

Compartilhe esta notícia:

Fernando Vieira estava em Bento Gonçalves, onde preparava a próxima edição da Festa Nacional da Música.

Foto: Divulgação
Fernando Vieira estava em Bento Gonçalves, onde preparava a próxima edição da Festa Nacional da Música. (Foto: Divulgação)

Morreu nesta quarta-feira (16), aos 72 anos, o jornalista e radialista Fernando Vieira. Responsável pela concepção e direção geral da Festa Nacional da Música, ele estava em Bento Gonçalves, onde seria realizada a próxima edição do evento, a terceira no município. Segundo a prefeitura da cidade, que lamentou em nota o falecimento, Vieira teve um mal súbito, foi socorrido pelo Samu, mas não resistiu.

“Uma pessoa única, de personalidade forte, um profissional incrível e que através da música levava alegria para todos os cantos. Fernando acreditava em nossa cidade. Com tristeza me despeço de um amigo que a vida me presenteou. Vai com Deus!”, disse o prefeito Guilherme Pasin.

“Tristeza, só essa palavra define o que estamos sentindo hoje. O falecimento de Fernando Vieira na terra que ele escolheu como capital da música nos deixou sem chão”, resumiu. A equipe da prefeitura auxilia os familiares no translado do corpo para Porto Alegre.

Vieira tinha décadas de dedicação à música e à televisão no Rio Grande do Sul. Sua carreira profissional iniciou em 1971, na então TV Difusora (hoje TV Bandeirantes), passando por inúmeros projetos e programas que marcaram o meio social e cultural de Porto Alegre. Foram 17 anos na TV Bandeirantes, seguidos de outros 17 anos na TV Guaíba, onde produziu e apresentou programas como Portovisão e Guaíba ao Vivo.

Em 1981, lançou a Festa Nacional do Disco, que durante 15 anos representou um marco no encontro de músicos e gravadoras. Foram 11 edições em Porto Alegre e três na Serra Gaúcha. Nesse período esteve também à frente de casas noturnas que marcaram a noite da capital gaúcha, como o Le Club. Em maio de 2005, transferiu-se para a TV Pampa, onde produziu e apresentou o programa Zoom.

Sobre a retomada do que acreditava ser um grande encontro da música brasileira, que a partir de 2005 passou a se chamar Festa Nacional da Música, ele chegou a dizer que o momento era oportuno porque o meio musical vivia um momento delicado, com vários problemas e incógnitas sobre o futuro. Dizia que o encontro colaborava, também, para elevar a autoestima do setor, colocando artistas, gravadoras e representantes do mercado juntos, na busca de soluções que interessavam a todos. Fernando Vieira se dedicava à VF Promoções, produtora responsável pela organização e realização da Festa Nacional da Música.

A cerimônia de despedida será no Angelus Memorial Crematório, na av. Porto Alegre 320, Medianeira. Velório na capela 06, das 14h às 18h desta quinta-feira (17).

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Magazine

Com gol no final, o Inter vence o América de Cali por 4 a 3 na Libertadores
Os bairros Sarandi e Partenon acumulam o maior número de casos de coronavírus em Porto Alegre
Deixe seu comentário
Pode te interessar