Quinta-feira, 02 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
10°
Mostly Cloudy

Rio Grande do Sul Nesta semana, vence o IPVA de carros com placas finais 5, 6 e 7

Compartilhe esta notícia:

O vencimento dos números seguintes ocorre sempre a cada dois dias úteis ao longo do mês de abril

Foto: EBC
No processo a parte autora postulou a prorrogação dos vencimentos de IPVA para seus associados no Estado. A liminar foi indeferida pelo juízo de primeiro grau. (Foto: EBC)

O IPVA 2020, para quem não optou pelo pagamento antecipado, terá mais três finais de placa vencendo nesta semana: 5, 6 e 7.

Nesta segunda-feira (13), é a data limite para placas com final 5. Na quarta-feira (15) vencerá as placas com final 6 e na sexta-feira (17) será a vez das placas com final 7. O vencimento dos números seguintes ocorre sempre a cada dois dias úteis ao longo do mês de abril.

Pagamento

Neste período de restrição de deslocamentos, a Receita Estadual reforça a opção de pagamento on-line pelo Banrisul, Bradesco, Santander, Sicredi e Banco do Brasil (neste último, somente para clientes).

Quem não tem acesso a de home banking precisa realizar o pagamento nos bancos citados ou também nas lotéricas da Caixa. Para fazer o pagamento, basta ter em mãos o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo) ou apenas a placa e o Renavam do veículo.

A consulta do valor a ser pago e multas e pendências podem ser acessados no site específico sobre o imposto – www.ipva.rs.gov.br –, ou no aplicativo para dispositivos móveis – IPVA RS –, disponível gratuitamente na App Store e na Google Play.

Descontos

Os descontos de Bom Motorista e Bom Cidadão podem ser cumulativos. Os condutores que não receberam multas nos últimos três anos terão redução de Bom Motorista de 15% no valor do tributo. Para quem não foi multado há dois anos, o índice é de 10%, e para quem ficou um ano sem infrações, o abatimento é de 5%.

O desconto do Bom Cidadão, por sua vez, dará aos proprietários de veículos, inscritos no programa Nota Fiscal Gaúcha, desconto de 5% para os que acumularam no mínimo 150 notas fiscais com CPF, 3% para os que tiveram entre 100 e 149 notas e 1% para quem acumulou entre 51 e 99 notas.

Atraso

O contribuinte que não pagar o tributo em dia, além de perder os descontos, terá multa de 0,334% ao dia sobre o valor do imposto não pago, até o limite de 20%. Depois de 60 dias em atraso, o débito sofrerá acréscimo de mais 5%.

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Kim Jong-Un anuncia mudanças no principal órgão de poder da Coreia do Norte
Quase metade da força de trabalho do Rio Grande do Sul pode sofrer impactos do coronavírus
Deixe seu comentário
Pode te interessar