Segunda-feira, 25 de Maio de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
15°
Fair

Acontece Sebrae dá cinco dicas para salões de beleza enfrentarem a crise do Coronavírus

Compartilhe esta notícia:

(Foto: banco de dados/O Sul)

Com mais de um milhão de profissionais formalizados, o segmento de salões de beleza, dentro do universo dos pequenos negócios, é uma das áreas mais afetada pela pandemia do novo Coronavírus. Em diversos estados a orientação dos governos é para que comércios fechem, por pelo menos 15 dias. O Sebrae, preocupado com o setor, elaborou dicas para que os empreendedores possam reduzir as perdas desse período.

A coordenadora nacional da cadeia produtiva de beleza do Sebrae, Andrezza Torres, explica que a situação é totalmente atípica e demanda uma atenção especial de todos os setores da economia. “Nunca vivemos um momento como esse, é certo que vamos nos recuperar, mas temos que manter a paciência, ficar atentos às informações oficiais e aproveitar esse tempo para aplicar algumas ações de contenção de crise”, afirma.

Confira abaixo as dicas baseadas em estudos do Sebrae na área de beleza:

1º Revise os custos fixos do salão de beleza: diante da suspensão do atendimento ao cliente, é hora de colocar no papel todos os gastos mensais, tais como telefone, internet, tv a cabo, manutenção de equipamentos. Se for dispensável, é hora de cortar ou suspender assinatura.

2º Faça uma reorganização administrativa: é um momento oportuno para colocar a casa em ordem do ponto de vista da gestão. Faça um levantamento minucioso de estoque, reveja o planejamento de compras. Ordene pelo prazo de validade, os produtos que devem ser usados primeiro, assim que o negócio voltar a funcionar. Repense todos os gastos, caso precise de um empréstimo para se manter em funcionamento, busque auxílio de agentes bancários especializados.

3º Organize seu conjunto de clientes: aproveite o tempo livre para conhecer melhor o perfil de quem procura o seu salão. Conte com ajuda de seus colaboradores, façam uma videoconferência e estabeleçam as principais características dos clientes: onde moram, quais serviços são mais procurados, preferências por produtos… Essas informações serão peças-chave para os próximos passos. Construam juntos uma lista de clientes fiéis.

4º Mantenha o contato com os clientes aquecido: Se o seu salão ainda não possui redes sociais esse é o momento de criar seus perfis. Mantenha esses canais de contato sempre atualizados, publique informações sobre cuidados com a beleza, de acordo com os serviços que seu salão oferece. Use o Whatsapp para enviar dicas para as clientes, além de disponibilizar produtos de beleza para venda online. Por mais que essas vendas não sejam significativas para o faturamento, elas mantêm o vínculo com o cliente.

5º Reinvente: use o tempo que ficar sem receber clientes na loja física para repaginar o local. Não estamos falando de grandes reformas, mas uma boa faxina no espaço, pintar uma parede, mudar a disposição do mobiliário, comprar um item de decoração charmoso e usar plantas, por exemplo, são pequenas ações que fazem a diferença quando o negócio reabrir.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

Sistema Fecomércio-RS/ Sesc promove circuito de corridas em casa por meio de transmissões ao vivo no Facebook
Empresa doa mais de duas toneladas de alimentos para instituições de Caxias do Sul
Deixe seu comentário
Pode te interessar