Sábado, 04 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
18°
Fair

Futebol Secretário de Esporte descarta volta do Campeonato Gaúcho em 19 de julho

Compartilhe esta notícia:

Protocolo encaminhado pela FGF segue em análise do Governo

Foto: (Divulgação / Secretaria de Governança e Gestão Estratégica)

Em meio às discussões sobre a data de retorno do Campeonato Gaúcho, nove regiões do Estado do Rio Grande do Sul entraram em situação de bandeira vermelha, incluindo cidades onde poderiam ser realizadas as partidas restantes do campeonato. Em entrevista à Rádio Grenal na manhã desta segunda-feira (29), o Secretário de Esporte do RS, Francisco Vargas,  frisou que o aumento no número de casos de infectados nas últimas semanas, impossibilita o retorno imediato do futebol.

“Eu, infelizmente, não sei dizer quando vai reiniciar o Gauchão. Mas não existe a possibilidade de retorno no dia 19 de julho. Há alguma possibilidade de 02 de agosto“, reforçou Francisco Vargas.

Apesar do adiamento da data de reinício, o Secretário frisou que a organização feita pela dupla Grenal para prevenir a doença é completa: “Eu vi a preocupação e vi o esmero para prevenir todo e qualquer tipo de doença que possa aparecer no meio futebolístico. A prevenção é moderníssima. Todos estão muito empenhados no combate. Vejo Inter e Grêmio, os CTs que visitei, como uma ilha de prevenção“.

Na semana passada,  Francisco Vargas foi até o CT da dupla para acompanhar os protocolos que estão sendo utilizados na prevenção da Covid-19. O que eu vi no Grêmio e no Inter é um nível de excelência grande em relação a segurança. Esses dois podem ser vistos como exceção. Não vi como está a situação dos outros clubes gaúchos”, disse o Secretário. 

Segundo Francisco, o principal pedido de Inter e Grêmio é para a volta dos treinos coletivos. “O presidente do Grêmio me pediu pra melhorar a qualidade dos treinamentos, querendo trabalhar em pequenos grupos. No Inter, o pedido foi também nesse sentido”. 

Sobre o retorno do futebol com público no Rio de Janeiro, o Secretário considerou um desrespeito das autoridades locais do Rio de Janeiro.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Futebol

As torcidas poderão voltar aos estádios de futebol no Rio de Janeiro dentro de 11 dias
Dupla Grenal se posiciona no Dia do Orgulho LGBTQI+
Deixe seu comentário
Pode te interessar