Sexta-feira, 07 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

Flávio Pereira Sete mulheres candidatas em Porto Alegre?

Compartilhe esta notícia:

Propaganda no transporte coletivo da capital garante visibilidade a Manuela D'Avila. (Foto: Rosangela Quadros)

Os eleitores podem ter imaginado que a campanha eleitoral já teve início na capital gaúcha: nos últimos dias, vários ônibus circulam pelas ruas da cidade, com um banner da pré-candidata Manuela D’Avila. Não se trata porém da campanha eleitoral, mas de uma estratégia da pré-candidata para ganhar visibilidade, para promover dois livros de sua autoria.

Protagonismo das mulheres

Sete mulheres podem disputar a prefeitura de Porto Alegre em 2020, diferentemente de 2008,quando quatro candidatas disputaram a eleição. Existem hoje as pré-candidaturas de Any Ortiz pelo partido Cidadania (antigo PPS), Comandante Nádia (MDB), Juliana Brizola (PDT), Fernanda Melchionna (PSOL), Manuela d’Avila (PCdoB), Maria do Rosário (PT) e Mônica Leal (PP). Se todos os nomes se confirmarem, teremos o recorde de candidaturas femininas em Porto Alegre.

Em debate, o “novo PSDB”

O congresso nacional do PSDB realizado sábado em São Paulo trouxe duas novidades importantes para o cenário político: o partido decidiu mudar sua imagem, buscando o eleitorado de direita. E abriu a corrida em busca de opções para a disputa presidencial em 2022.

Em busca do eleitorado da direita

Baseado em pesquisas internas, o partido tentou identificar o sumiço de eleitores nas últimas eleições. E descobriu que os filiados possuem um viés conservador que foi desprezado pelos candidatos. Daí a estratégia de buscar o eleitorado da direita, mas sem avançar na defesa da família e da segurança com o mesmo ímpeto empregado pela direita de Jair Bolsonaro.

Eduardo Leite candidato na eleição de 2022?

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, colocou-se à disposição do PSDB para a disputa presidencial de 2022 ao afirmar que “estarei onde o partido quiser que eu esteja”.

Mais um slogan “Acima de Tudo”

O documento final do encontro dos tucanos em São Paulo aprovou um documento sob o título “Acima de Tudo, a Democracia”, num contraponto ao slogan bolsonarista “Deus Acima de Todos”.

A agenda da semana

O governador Eduardo Leite começa nesta segunda-feira uma agenda política intensa esta semana. Precisará dialogar com o presidente da Assembleia Legislativa, Luis Augusto Lara (PTB) e com deputados da base, na busca de um consenso para manter o cronograma de votações do pacote de reformas ainda para este ano. No movimento de Lara, ameaçando devolver os projetos ao executivo, há um evidente propósito de marcar o final da sua gestão, com algum protagonismo nesse debate.

Haddad recebe medalha por “relevantes serviços”

Mais uma medalha será entregue pela Assembleia Legislativa. Desta vez para o ex-candidato presidente da República pelo PT, Fernando Haddad. Será na tarde desta segunda-feira, às 11 horas. Ele recebe a Medalha do Mérito Farroupilha pelos relevantes serviços prestados ao Rio Grande do Sul.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Flávio Pereira

STF decide sobre fim da pensão para ex-governadores
O Decano no comando da Câmara
Deixe seu comentário
Pode te interessar