Sábado, 04 de dezembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Economia Técnicas de marketing mais usadas em 2021

Compartilhe esta notícia:

Para investir no vídeo marketing, é importante pensar na elaboração de um roteiro impactante para o nicho

Foto: Divulgação
Para investir no vídeo marketing, é importante pensar na elaboração de um roteiro impactante para o nicho. (Foto: Divulgação)

Recentemente, você conferiu aqui no O Sul uma matéria que apontava uma relação direta de como a falta de dinheiro e dívidas abalam a autoestima. Diante da duradoura e impactante crise econômica, agravada pelas consequências da pandemia do novo coronavírus, muitos trabalhadores se viram na obrigação de empreender, para criar uma fonte de renda e, além de colocar comida na mesa, tentar se esgueirar em meio a uma série de bombardeios de grande impacto psicológico.

No entanto, como já é habitual no Brasil, e também esperado em tempos de crises, muitos empreendedores se aventuram por um novo setor sem grandes preparos, análises ou estudos e agora se veem diante de um cenário onde devem aprender novas possibilidades para que o seu investimento e a esperança empreendedora não se perca.

Para facilitar o seu aprendizado e criar um norte onde você possa focar os esforços de divulgação da sua empresa, elencamos abaixo algumas das técnicas de marketing que foram mais utilizadas neste ano e apresentaram bons resultados. Confira:

Marketing de conteúdo

Considerado um dos pilares do marketing digital, o marketing de conteúdo é um termo que muitos já estão familiarizados, tamanho a sua eficiência e abrangência de mercado, pois se trata de uma técnica que permanece no topo das listas de tendências mais utilizadas desde 2013, e essa predisposição não dá sinais de mudanças.

Para quem deseja investir neste modelo, o marketing de conteúdo consiste em criar postagem de conteúdo em blogs com temas realmente interessantes para o nicho de atuação da empresa, como “isca” para atrair mais visualizações para o site e criar autoridade para a marca.

Mobile marketing

Elaborar qualquer estratégia de marketing sem considerar uma otimização para dispositivos móveis é algo impensável no cenário atual, considerando que grande parte do tráfego no Brasil é oriundo de dispositivos móveis, principalmente os smartphones.

Ou seja, caso você considere investir em uma estratégia de marketing para a sua empresa, não desconsidere a responsividade de adaptação das peças e anúncios para o maior número de dispositivos possíveis, e considere se o seu relacionamento com o cliente pode ser otimizado com um aplicativo.

Vídeo marketing

A inclusão de conteúdo audiovisual e a utilização de vídeos em estratégias de Marketing Digital é mais uma tendência que se demonstrou forte em 2021, e tende a perdurar por um longo período, tendo em vista o crescimento de plataformas como YouTube, Facebook, Instagram, TikTok e Vimeo.

Para investir no vídeo marketing, é importante pensar na elaboração de um roteiro impactante para o nicho e criar mais valor de produção com um editor de vídeos realmente competente, com recursos atuais e banco de dados livres de direitos autorais, como, por exemplo, o InVideo.

Além das técnicas de marketing citadas acima, ainda existem algumas tendências que também foram muito utilizadas em 2021, como, por exemplo, o Big Data, WhatsApp marketing, pesquisa por voz, relacionamento via bots, produção de Podcasts, imagens em evidência no Google, dentre outras.

Seja qual for a estratégia adotada, o importante é que a abordagem faça sentido com o público-alvo da sua empresa e seja estudada antes de colocada em prática, para atingir o melhor resultado possível.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Economia

Porto Alegre reduz para oito semanas o intervalo da segunda dose da vacina de Oxford/AstraZeneca
Supremo rejeita ação contra atos e falas de Bolsonaro durante a pandemia de coronavírus
Deixe seu comentário
Pode te interessar