Segunda-feira, 18 de outubro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Mostly Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Brasil Termina neste sábado o prazo para pedidos de reaplicações do Encceja

Compartilhe esta notícia:

A prova será aplicada nos dias 13 e 14 de outubro

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
A prova será aplicada nos dias 13 e 14 de outubro (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Termina neste sábado (04) o prazo para pedidos de reaplicação do Encceja (Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos). O exame é destinado a jovens que não concluíram os ensinos fundamental ou médio e desejam ter a certificação da conclusão dessas etapas de ensino.

O prazo inicial para o requerimento até sexta-feira (03). De acordo com o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), como o sistema foi suspenso no dia 31 de agosto para “ajustes pontuais”, os candidatos foram autorizados a fazer o pedido até às 23h59 deste sábado.

A reaplicação é uma possibilidade para quem não realizou a prova por problemas logísticos no local ou por sintomas de doenças contagiosas previstas no edital no dia ou na véspera. Entre elas, foi incluída a Covid-19.

Para solicitar a reaplicação, é preciso apresentar a documentação e diagnóstico feito por um médico, cadastrado no conselho da profissão. Já para as hipóteses de problemas logísticos, como situações de falta de energia elétrica, é preciso descrever o episódio para justificar o requerimento.

O Encceja foi aplicado no último domingo (29). A prova foi feita em 622 cidades nos 26 estados e no Distrito Federal. A reaplicação ocorrerá nos dias 13 e 14 de outubro. Nessa data, a prova também será aplicada para pessoas privadas de liberdade.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Dupla de criminosos é presa com veículo furtado e clonado em Camaquã, no Sul do Estado
Nova Zelândia registra a primeira morte por coronavírus em seis meses
Deixe seu comentário
Pode te interessar