Segunda-feira, 01 de Março de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
29°
Mostly Cloudy

Porto Alegre Transferência das famílias da Vila Nazaré é discutida entre prefeitura e direção da Fraport em Porto Alegre

Compartilhe esta notícia:

Concluir esse processo é um tema importante para a cidade, enfatizou Melo.

Foto: Mateus Raugust/PMPA
Concluir esse processo é um tema importante para a cidade, enfatizou Melo. (Foto: Mateus Raugust/PMPA)

Concluir a transferência das famílias da Vila Nazaré e entregar a área para a ampliação da pista do Aeroporto Salgado Filho é uma das prioridades da atual gestão, afirmou a Prefeitura de Porto Alegre nesta sexta-feira (15) durante reunião entre o prefeito Sebastião Melo e os CEOs da Fraport Brasil, Andreea Pal, e da Construtora Tedesco, Pedro Alberto Silber, realizada no no Paço Municipal.

“Estamos oferecendo todas as condições de acolhimento às famílias, com atendimento social, mas a transferência é uma realidade. Concluir esse processo é um tema importante para a cidade e estamos dedicados a resolver”, enfatizou Melo, afirmando que o movimento está sendo liderado pelo secretário de Habitação e Regularização Fundiária, André Machado, e sua equipe.

Em parceria com a Fasc (Fundação de Assistência Social), servidores do Demhab (Departamento Municipal de Habitação) realizam força-tarefa junto aos moradores para agilizar a remoção das 111 famílias remanescentes para um loteamento. O objetivo é dar encaminhamento para as situações das 71 famílias que hoje ainda moram na área do sítio aeroportuário e que têm pendências nos seus processos junto ao Demhab e à Caixa Econômica Federal. Outras 41 famílias que estão na mesma área já começam a mudança para o Loteamento Irmãos Maristas nas próximas semanas.

A área deverá estar liberada até 28 de fevereiro para que a Fraport possa iniciar as obras de ampliação da pista do Aeroporto Salgado Filho, sem comprometer o cronograma. Também participaram da discussão o vice-prefeito Ricardo Gomes, o diretor de Relações Institucionais da Fraport Brasil, Leonardo Carnielle, e secretários adjuntos.

Mutirão

Durante o mutirão da quinta-feira, o secretário de Habitação e Regularização Fundiária, André Machado, afirmou que é preciso direcionar esforços principalmente para resolver as pendências já identificadas e verificar se as informações de cadastro ainda se confirmam na prática. “Conversei diretamente com os moradores e são situações sensíveis, que receberão o devido tratamento.

“Precisamos entregar a área à Fraport mas o nosso compromisso também é social. Essas famílias precisam se sentir bem e seguras na nova moradia”, acrescenta o titular da pasta.

Antes de ir à Vila Nazaré, André Machado visitou o Loteamento Irmãos Maristas, local para onde a maioria das famílias da Nazaré serão realocadas. Ele ouviu reivindicações de moradores e líderes comunitários sobre a infraestrutura do loteamento, principalmente quanto a demandas como creche, saneamento, posto de saúde e transporte público.

O secretário informou aos moradores que já está tratando com o secretário de Mobilidade Urbana, Luiz Fernando Záchia, para que a linha de ônibus “A62 – Wenceslau Fontoura”, popularmente conhecida na região como “Lalau”, possa entrar no loteamento, com pelo menos duas paradas.

Quanto ao posto de saúde, a construção ficará a cargo da concessionária Fraport e há, ainda, a expectativa para o início da construção já no mês que vem. Novas transferências para o Irmãos Maristas já estão agendadas para os dias 19 de janeiro e 10 de fevereiro.

O secretário visitou casas e apartamentos do loteamento, acompanhado também pelo vereador Giovane Byl (PTB) e pela equipe da Direcional, empresa responsável pela construção do empreendimento. Cada habitação tem 37,3 m² (casa) ou 40,7 m² (apartamento), todos com dois quartos, sala, cozinha e banheiro.

“O loteamento tem uma estrutura excelente, mas obviamente precisa de incrementos para melhorar a qualidade de vida das mais de mil famílias que viverão nele. Reivindicações que envolvem saúde, transporte, segurança e assistência social são legítimas e serão tratadas por nós com todas as secretarias e órgãos competentes”, frisou André Machado.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Câmaras refrigeradas no Rio Grande do Sul garantem capacidade para distribuição das vacinas contra o coronavírus
Sobrecarregado, maior pronto-socorro de Manaus fecha
Deixe seu comentário
Pode te interessar