Terça-feira, 07 de Abril de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Cloudy

Flávio Ricco TVs tratam coronavírus melhor que o presidente

Joana de Verona encerrou seu trabalho como Adelaide nas gravações de “Éramos Seis”. (Foto: Divulgação)

Na TV, assim como em todo e qualquer lugar, o coronavírus continua dominando o noticiário, apesar do esforço do presidente Bolsonaro, valendo-se de um momento tão preocupante e inapropriado, em insistir ganhar espaço e gerar polêmicas tão desnecessárias.

Por meio de atitudes que nada combinam ou de tudo que é dito e repetido, há sempre a tentativa de chamar atenção. E criar atritos.

Os maus exemplos dos últimos dias explicam muito melhor.

Mas vale destacar o bom comportamento da TV aberta de uma forma geral, usando a força que tem e o poder de chegar aos quase 200 milhões de brasileiros, em prestar serviço e levar para todos informações tão necessárias.

E um dever que foi colocado acima de tudo, ainda que isso implique sérios prejuízos, provocados pelas modificações nas grades de programação, paralisação de suas produções e o consequente ou inevitável cancelamento de contratos comerciais.

Um reconhecimento que deve ser prestado.

TV Tudo

Alteração

Ontem, modificando decisão de terça-feira, ficou estabelecido que o próximo “Domingão do Faustão” será inteiramente gravado.

Nada, nem mesmo a abertura, ao vivo.

Melhores momentos

O “Altas Horas”, do Serginho Groisman, também iniciará neste próximo sábado a exibição de uma série de especiais, antecipando as comemorações dos 20 anos de programa.

E vai começar com Sandy e Junior.

Outro lado

A TV Cultura, contestando nota aqui publicada, informa que todas as pessoas acima de 70 anos já foram dispensadas, assim como a maioria na faixa dos 60.

Informa também que uma maioria dos seus colaboradores está trabalhando em sistema de home office.

Rebate ainda

Na mesma nota, a Cultura assegura que, “40 dispensers com álcool gel foram distribuídos nos principais pontos de acesso da FPA e, até sexta-feira (20), serão adquiridos outros 30 recipientes”.

E que a higienização em todas as suas dependências foi reforçada, a exemplo de aplicação de água sanitária em todos os banheiros, duas vezes ao dia. Além de outros procedimentos de higienização.

Velocidade

Maria Casadevall, Duda Nagle e a produtora Mixer Films aceleraram nas ruas de São Paulo. E assim conseguiram encerrar os trabalhos de “A Garota da Moto”.

O filme entrou na etapa de edição.

Aniversário

O canal de notícias BandNews TV completa nesta quinta-feira 19 anos de existência.

A programação ganhará alguns reforços, como o âncora Eduardo Oinegue.

Rede de apoio

Além do trabalho realizado pela cabeça de rede em São Paulo, a cobertura da Band sobre o Coronavírus tem contado com participação em peso das demais emissoras e afiliadas em todo o País.

A valorização da rede é sempre uma iniciativa bem salutar.

Espaço

A pandemia tem ocupado 40% da programação diária da Bandeirantes, num trabalho de cobertura do seu departamento de jornalismo.

É o assunto dominante de todos os seus telejornais, desde o “Primeiro Jornal” até o “Jornal da Noite”, além dos boletins, ao vivo, a cada 30 minutos.

Nem aí

Enquanto medidas, algumas das mais severas, estão sendo tomadas, a vidinha na Rede TV! não se altera.

Segundo os seus funcionários, a ordem que vem de cima é: “não pode parar de entrar dinheiro”.

Vida normal

Ontem, quarta, o programa “Luciana by Night”, da Luciana Gimenez, foi gravado normalmente.

E, hoje, quinta, o mesmo acontece com o “Mega Senha”. É como se no mundo nada estivesse acontecendo.

Trabalho encerrado

Joana de Verona encerrou seu trabalho como Adelaide nas gravações de “Éramos Seis” e agora a atriz luso-brasileira aguarda o melhor momento para retornar a Lisboa, cidade em que vive atualmente. Sobre o Coronavírus, diz que a importância de se usar máscaras é uma opção para evitar o contágio.

Aqui demoramos a agir neste sentido. A minha família que mora em Macau está lidando com isso desde janeiro”, avisa a atriz.

C´est fini

Avenida Brasil”, exibida no “Vale a Pena Ver de Novo”, continua com índices em alta na Grande São Paulo. Na terça-feira, marcou 21 pontos de média e 37% de participação, igualando pela segunda vez o recorde da novela às terças-feiras.

O geral é de 23 pontos.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Flávio Ricco

TVs tomam medidas e comportam-se de maneira diferente frente ao Covid-19
Coronavírus vai modificar escalações das próximas novelas da Globo
Deixe seu comentário
Pode te interessar