Quinta-feira, 09 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
11°
Fair

Brasil Novo golpe! Fique atento para aviso de cobrança por atraso no pagamento da fatura da NET

Compartilhe esta notícia:

Em nota, a NET informou que "uma onda de golpes, por meio de boletos falsos, tem afetado vários setores de produtos e serviços no Brasil". (Foto: Divulgação)

Um falso e-mail da NET sobre um suposto atraso no pagamento da fatura vem fazendo vítimas de um novo golpe. “Evite o bloqueio do seu serviço. Informamos que o pagamento da sua fatura ainda não consta no nosso sistema. Se o seu sinal já está bloqueado, realize o pagamento desta fatura, e seu sinal será reabilitado em até 24h”, diz o texto.

A mensagem é enviada por um endereço virtual que não pertence à empresa (fatura1557115363@suporteclientenet.com) e já vem com a fatura para a regularização em anexo. Acontece que, se o cliente acreditar e efetuar o pagamento, nunca mais verá o dinheiro de volta.

Em nota, a NET informou que “uma onda de golpes, por meio de boletos falsos, tem afetado vários setores de produtos e serviços no Brasil”. Por isso, recomendou cuidado com o compartilhamento de informações pessoais, conteúdos e transações feitos por meio de sites de compras e aplicativos de origem duvidosa, alegando que ações como essas podem abastecer grupos criminosos com dados reais, como o e-mail do consumidor, por exemplo.

Além disso, a empresa informou que o e-mail oficial da fatura digital da NET, quando solicitada pelo cliente, é fatura.net@suafaturanet.com.br, e que não há desconto automático em cobrança. Em caso de dúvidas sobre promoções, descontos ou qualquer outro assunto, o cliente pode entrar em contato com a central de relacionamento da companhia, que funciona 24 horas, com ligação gratuita pelo telefone 10621.

Suspensão de entrega 

Os Correios lançaram nesta semana um novo serviço de suspensão de entrega: se você enviar uma encomenda mas descobrir que se trata de um golpe, pode solicitar que a entrega seja interrompida, e o objeto será encaminhado para devolução ao seu endereço. A novidade está disponível em todo o território nacional, mas a estatal avisa que isso não isenta os usuários de tomarem cuidado nas vendas via internet.

A ideia é oferecer um pouco mais de segurança a quem usa os Correios para enviar produtos vendidos via e-commerce. O remetente pode descobrir após o envio que foi vítima de uma fraude ou golpe; caso isso aconteça, será possível impedir que a encomenda chegue ao destinatário. A suspensão de entrega está disponível para os clientes que informam o CPF ou CNPJ no momento da postagem. Você acessa o portal dos Correios, digita o código da encomenda no campo “Acompanhe seu objeto”, e clica no botão “Suspender entrega” se ele estiver ativo.

É necessário fazer login usando CPF ou CNPJ e senha idCorreios; se você não tiver essas credenciais, pode se cadastrar no site. Então, basta inserir o ID Tíquete da postagem – disponível no comprovante impresso – e a solicitação será registrada.

Feita a validação, os Correios gravarão no código da encomenda o aviso “Suspensão de entrega de objeto solicitada pelo remetente”. Ele seguirá até a unidade de distribuição da cidade de destino e, após ser identificado, seu status no rastreamento mudará para “Objeto será devolvido por solicitação do contratante ou remetente”. Por fim, ele será encaminhado para devolução. A suspensão da entrega também pode ser solicitada por meio de integração via webservices, ou por meio de um assistente comercial, caso o cliente tenha contrato com os Correios.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Veja lista dos smartphones mais buscados em abril
Chegada do bebê real faz alegria dos turistas em Londres
Deixe seu comentário
Pode te interessar