Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Fog

Brasil Uma pesquisa aponta que o extrato de própolis pode ser eficiente contra o coronavírus

Compartilhe esta notícia:

O Brasil já é um grande produtor e exportador de mel e própolis. (Foto: Reprodução)

O que está em estudo agora é o potencial do própolis contra a Covid-19.  O médico nefrologista, Marcelo Augusto Duarte Silveira em parceria com a farmacêutica e presidente da Associação Brasileira dos Exportadores de Mel (Abemel), Andresa Berretta, avaliam o uso do extrato de própolis. “Nos últimos anos, estudos científicos realizados parceria com diversas universidades brasileiras, como USP, UNESP e UNICAMP – demonstraram que a própolis possui propriedades anti-inflamatória e imunomoduladora, que são muito relevantes no contexto da Covid-19”, ressalta Andresa.

O projeto piloto terá 120 pacientes internados e testados positivos para a doença. No momento, 83 pacientes já estão em estudo. A previsão é que os dados sejam apurados até o final de julho.

O deputado estadual Frederico d’Avila (PSL) protocolou na Assembleia Legislativa de São Paulo o projeto de lei 328/20, que isenta da incidência do ICMS as operações relativas à aquisição dos produtos naturais própolis e extrato de própolis. O objetivo, segundo o parlamentar, é tornar a compra da própolis mais democrática e aumentar a acessibilidade

O deputado estadual Frederico d’Avila (PSL) protocolou na Assembleia Legislativa de São Paulo o projeto de lei 328/20, que isenta da incidência do ICMS as operações relativas à aquisição dos produtos naturais própolis e extrato de própolis. O objetivo, segundo o parlamentar, é tornar a compra da própolis mais democrática e aumentar a acessibilidade da população aos produtos.

Dados do Ministério da Agricultura mostram que o Brasil exportou mais de 30 mil toneladas de produtos apícolas em 2019, negócios de quase US$ 76 milhões. Segundo a Abemel, o setor primário apícola produziu 41 mil toneladas de mel no ano passado e movimentou R$ 328 milhões.

É importante destacar que revistas científicas também têm publicado artigos que mostram as propriedades antibacterianas, antifúngicas e antivirais de várias amostras de própolis como mostrou o artigo na “Medicine in Drug Discovery” que elencou substâncias naturais e sintéticas disponíveis no mercado com propriedades para inibir uma proteína PAK1, cuja ativação anormal provoca inflamações e infecções como a causada pela Covid-19. Entre elas está a própolis.

Segundo a presidente da ABEMEL, o Brasil já é um grande produtor e exportador de mel e própolis e os produtos brasileiros são reconhecidos em todo o mundo. “Precisamos divulgar, incentivar e expandir a produção, garantindo acessibilidade da população a esses importantes produtos”, afirma.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Ninguém acerta as seis dezenas da Mega-Sena e prêmio vai a R$ 27 milhões
Prefeito de cidade baiana diz que o comércio será reaberto “morra quem morrer”
Deixe seu comentário
Pode te interessar