Terça-feira, 26 de Maio de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Cloudy

Porto Alegre A vacinação contra gripe continua em farmácias e unidades de saúde de Porto Alegre

Compartilhe esta notícia:

Alta procura pela imunização pode provocar desabastecimento momentâneo.

Foto: Cesar Lopes/PMPA
Alta procura pela imunização pode provocar desabastecimento momentâneo. (Foto: Cesar Lopes/PMPA)

A vacinação contra a gripe em idosos e profissionais de saúde, público-alvo da primeira fase da campanha, prossegue nesta quinta-feira (9), em farmácias e unidades de saúde. Não haverá atendimento em drive-thrus. Profissionais de saúde devem procurar apenas as unidades, pois farmácias estão destinadas ao atendimento de idosos.

A alta procura pela vacina pode provocar desabastecimento momentâneo na rede pública e nas farmácias. Para evitar deslocamentos desnecessários, é importante que as pessoas consultem este link disponibilizado pela SMS (Secretaria Municipal de Saúde) antes de se dirigir aos pontos de vacinação. A planilha é atualizada constantemente.

Nesta quarta-feira (8), muitas pessoas foram vacinadas nos drive-thrus instalados em sete regiões da cidade com o objetivo de facilitar o acesso de pessoas acima de 60 anos. Já as farmácias parceiras da prefeitura retomaram a imunização na terça (7). No final da tarde, 11 unidades de saúde e 20 farmácias possuíam doses.

Como o sistema do Ministério da Saúde que contabiliza o quantitativo de vacinas por público-alvo estava fora do ar, não foi possível atualizar os dados nesta quarta. Até as 17h de terça-feira, haviam sido vacinadas 164.193 pessoas acima de 60 anos contra a gripe em Porto Alegre, o que corresponde a 85% da meta para esse público, conforme dados do SIPNI (Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações). No total, estão incluídos idosos vacinados em unidades de saúde, no atendimento domiciliar em pacientes acamados, drive-thrus e farmácias. Com relação a profissionais da saúde, foram administradas 66.664 doses, um total de 230.857 doses no público-alvo desta primeira fase, iniciada em 23 de março.

Campanha

Outras duas fases de vacinação estão previstas, com início em 16 de abril e 9 de maio, com grupos prioritários diferentes. Este ano, os grupos a serem imunizados foram ampliados, com a inclusão de adultos de 55 a 59 anos e pessoas com deficiência.

A segunda fase começa em 16 de abril e é dirigida a pessoas com doenças crônicas não transmissíveis (comorbidades), professores e profissionais das forças de segurança e salvamento. Em 9 de maio, os demais grupos de risco começam a ser imunizados: crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes, puérperas, povos indígenas, adultos entre 55 e 59 anos, pessoas com deficiência, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos cumprindo medida socioeducativa, apenados e funcionários do sistema prisional.

Apesar de não imunizar contra o coronavírus, a vacina contra a gripe protege membros do grupo de risco de mais uma doença e ajudam os profissionais de saúde a descartar casos com sintomas semelhantes.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Prefeitura abre concurso para cargos de nível superior
Empresa doa desinfetante hospitalar para higienização de ônibus da Carris
Deixe seu comentário
Pode te interessar