Últimas Notícias > Magazine > Dicas de O Sul > Espetáculo do Grupo Cerco, sucesso de público e de crítica, retorna com apresentações

Com gol de Everton, o Grêmio e o Bahia empataram em 1 a 1 no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil

No retorno de Everton após a Copa América, o atacante marcou o gol gremista. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

O Grêmio voltou a campo da pausa para a Copa América com um empate. Na noite desta quarta-feira (10), o time de Renato Portaluppi enfrentou o Bahia na Arena, em Porto Alegre. O confronto entre as equipes foi o primeiro, de dois, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Um dos destaques da partida foi o atacante tricolor Everton. Não só por ter marcado o gol gremista, mas porque, após bela atuação na Seleção Brasileira, durante a Copa América, há informações de que Cebolinha estaria em processo de venda.

O primeiro tempo foi bastante disputado. Ambos os times chegaram com boas possibilidades, mas sem conseguirem alcançar o gol. A equipe gremista manteve maior posse de bola, mas com erro de passes, não construía jogadas efetivas.

Aos 46 minutos, Everton chegou bem na frente e o goleiro Douglas Friedrich derrubou o atacante na área: pênalti marcado pelo árbitro Marcelo de Lima Henrique. Renato Portaluppi mandou Cebolinha para a bola. O camisa 11 foi decidido e fez para o Tricolor. Moisés levou cartão amarelo por falta em Alisson, nos últimos minutos do primeiro tempo.

Já no início da etapa complementar, o Bahia mostrou que também queria a vitória e passou a dominar a partida. Aos 4 minutos, a defesa gremista falhou e o artilheiro da equipe de Roger Machado, Gilberto, chegou de cabeça, descontando para os visitantes. Ainda no começo do segundo tempo, o Grêmio chegou com Jean Pyerre, mas não conseguiu finalizar.

O confronto seguiu acirrado. Renato começou a mexer, buscando um time mais efetivo: Pepê no lugar de Alisson; Luan substituindo Jean Pyerre; e Vizeu entrando para substituir André. Mas a noite não parecia estar favorável aos gremistas. Após ceder o empate em casa, o Tricolor ficou com um a menos em campo. Todas as substituições já haviam sido feitas, quando Vizeu sentiu o joelho em um lance e teve que deixar o campo.

Roger também trocou no Bahia. Depois de Guerra entrar no lugar de Ramires, foi a vez de Gilberto sair para a entrada de Fernandão. Porém, o marcador não mudou com a nova configuração dos times e o árbitro apitou o final da partida. Lucas Fonseca, além dos tricolores Matheus Henrique e Leonardo, terminaram o jogo com cartão amarelo.

A decisão sobre quem passa para a semifinal da competição ficará para a próxima quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).

Ficha técnica

Grêmio: Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon, Matheus Henrique, Alisson (Pepê), Jean Pyerre (Luan) e Everton; André (Felipe Vizeu). Técnico: Renato Portaluppi.

Bahia: Douglas; Nino Paraíba (Flávio), Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Elton, Gregore e Eric Ramires (Guerra); Elber, Arthur e Gilberto (Fernandão). Técnico: Roger Machado.

Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique (RJ), auxiliado por Rodrigo Correa (RJ) e Luiz Claudio Regazone (RJ).

 

Deixe seu comentário: