Últimas Notícias > CAD1 > Com dúvidas e treino fechado, Grêmio encerra preparação para encarar o Athlético

Doutor Sono, sequência de O Iluminado, não terá clichês de filmes de terror

(Foto: Divulgação)

Mike Flanagan é o responsável por assumir a continuação do clássico “O Iluminado”, o “Doutor Sono”. Em entrevista ao Yahoo, contou que na a gravação, fugiu do clichê típico de filmes de terror. Entre uma das táticas, é que o filme “Doutor Sono”, não terá o famoso “susto” que é característico de filmes desse gênero.

“Quando estávamos desenvolvendo o projeto, e quando estávamos falando sobre as expectativas da audiência, em particular, sobre jump scares [imagens ou sons em volume elevado que aparecem rapidamente em tela, provocando sustos], sustos e o ritmo desses, definimos que não temos o mínimo interesse em fazer isso. Eu diria, ‘qual o seu jump scare preferido de O Iluminado?’ Não existe um. O mesmo se aplica aqui”.

Mike trabalhou lado a lado com Stephen King para a obra ser uma adaptação digna do livro. Ele também relevou que se inspirou muito em Stanley Kubrick, o diretor do primeiro filme.

“Usamos muitas das lições que Kubrick nos ensinou sobre como fazer um thriller psicológico, um thriller sobrenatural, de tal forma que é mais sobre uma atmosfera sufocante e tensão do que os sustos tradicionais como os entendemos hoje”.

Deixe seu comentário: